O Antagonista

Invasão estilo “Fauda” em hospital palestino mata três terroristas

avatar
Alexandre Borges
2 minutos de leitura 30.01.2024 08:38 comentários
Mundo

Invasão estilo “Fauda” em hospital palestino mata três terroristas

Ação israelense surpreende com agentes disfarçados de médicos e mulheres

avatar
Alexandre Borges
2 minutos de leitura 30.01.2024 08:38 comentários 0
Invasão estilo “Fauda” em hospital palestino mata três terroristas
Hospital em Gaza. Foto: Reprodução

Em uma operação que lembra episódios do seriado “Fauda“, militares de Israel disfarçados de mulheres e profissionais de saúde invadiram o hospital Ibn Sina, em Jenin, na Cisjordânia, resultando na morte de três terroristas palestinos.

O Hamas, por intermédio de seu “ministério da saúde”, condenou o ataque ao hospital e criticou a utilização do espaço como esconderijo pelos militantes. O incidente não envolveu troca de tiros, indicando uma execução bem planejada e executada.

Os terroristas eliminados planejavam, segundo Israel, ataques semelhantes ao Massacre de 7 de outubro. Muhammad Jalamneh e os irmãos Muhammad e Basel Ghazawi, mortos na ação, já realizaram ataques contra tropas israelenses e eram procurados pelas Forças de Defesa de Israel.

Israel acusa o Hamas de utilizar hospitais como escudos e esconderijos para ataques terroristas.

De acordo com as Forças de Defesa de Israel, o Hamas utiliza um padrão de operação “consistente e sistemático” na utilização de hospitais para fins terroristas. Além disso, o Hamas e a Jihad Islâmica Palestina utilizam hospitais na Faixa de Gaza, incluindo o Al-Shifa, para esconder túneis abaixo deles.

As forças israelenses afirmam que seguem buscando túneis sob os hospitais de Gaza, onde acreditam que terroristas do Hamas possam ter fugido, talvez com reféns.

Assim como em “Fauda”, a operação real envolveu disfarces e táticas surpreendentes, refletindo a realidade muitas vezes pode ser mais impressionante que a ficção.

Esportes

Corinthians é eliminado do Paulistão após vitória da Inter de Limeira

02.03.2024 23:06 2 minutos de leitura
Visualizar

Navalny: o sopro de liberdade que desafia Putin

Catarina Rochamonte Visualizar

Confira os adversários de Grêmio e Inter nas quartas de final do Gauchão

Visualizar

Augusto Melo confirma que dívida do Corinthians com Rojas é de R$ 8 milhões

Visualizar

Casal preso por vaquinha online falsa para criança com câncer no RJ

Visualizar

Turista brasileira sofre estupro coletivo na Índia

Visualizar

< Notícia Anterior

Feirante que matou motorista de aplicativo em Uberlândia é liberado pela polícia

30.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Candidata a PMDF morre após teste físico em concurso

30.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Alexandre Borges

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Turista brasileira sofre estupro coletivo na Índia

Turista brasileira sofre estupro coletivo na Índia

02.03.2024 21:36 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Aquecimento global fecha estações de esqui na Suécia

Aquecimento global fecha estações de esqui na Suécia

02.03.2024 20:48 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Presidente da Irlanda hospitalizado para monitoramento

Presidente da Irlanda hospitalizado para monitoramento

02.03.2024 20:40 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Tempestade de neve na Califórnia fecha estações de esqui

Tempestade de neve na Califórnia fecha estações de esqui

02.03.2024 20:14 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.