Inteligência artificial impacta mercado de trabalho como um “tsunami”, diz chefe do FMI Inteligência artificial impacta mercado de trabalho como um “tsunami”, diz chefe do FMI
O Antagonista

Inteligência artificial impacta mercado de trabalho como um “tsunami”, diz chefe do FMI

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 13.05.2024 17:04 comentários
Mundo

Inteligência artificial impacta mercado de trabalho como um “tsunami”, diz chefe do FMI

A diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional, Kristalina Georgieva, destacou recentemente o impacto significativo da inteligência artificial (IA)

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 13.05.2024 17:04 comentários 1
Inteligência artificial impacta mercado de trabalho como um “tsunami”, diz chefe do FMI
Fonte: Reprodução/CNN

A diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional, Kristalina Georgieva, destacou recentemente o impacto significativo da inteligência artificial (IA) no mercado de trabalho. Em um evento em Zurique, organizado pelo Instituto Suíço de Estudos Internacionais, Georgieva comparou o avanço da IA a um “tsunami” que está prestes a remodelar o panorama econômico e social global.

Como a Inteligência Artificial Está Reshaping o Mercado de Trabalho?

No discurso proferido, a diretora do FMI apontou que cerca de 60% dos empregos em economias avançadas e 40% dos empregos globalmente serão afetados pela IA nos próximos dois anos. Tais previsões colocam governos, empresas e trabalhadores diante de um desafio urgente de adaptação e requalificação profissional.

Quais São os Benefícios e Riscos da Implementação da IA?

Apesar dos possíveis riscos, Georgieva afirmou que a IA pode gerar um “aumento tremendo de produtividade” se bem gerenciada. No entanto, ela também alertou para o aumento potencial de desinformação e desigualdades. Segundo ela, o papel das instituições será crucial para garantir que os benefícios dessa tecnologia sejam aproveitados de maneira equitativa e segura.

O Que Podemos Fazer Para Nos Preparar?

Uma das maiores preocupações levantadas durante o discurso é a necessidade de preparação rápida e eficaz. “Temos muito pouco tempo para preparar as pessoas e as empresas para isso”, destacou Georgieva. Isso significa que os sistemas educacionais e de formação profissional precisam de uma rápida evolução para atender às demandas de um novo mercado de trabalho influenciado pela tecnologia.

    • Adaptação dos currículos escolares para incluir habilidades tecnológicas essenciais.
    • Programas de requalificação para profissionais cujos empregos podem ser substituídos por tecnologias autônomas.
    • Forte investimento em tecnologias éticas para garantir o uso responsável da IA.

Como Equilibrar Produtividade e Equidade na Era da Inteligência Artificial?

O desafio da próxima era será não só integrar a IA ao cotidiano dos negócios mas também assegurar que seu impacto seja positivo para a maior parte da população. Equilibrando os ganhos de produtividade com medidas de equidade, podemos direcionar a tecnologia para um futuro onde o benefício é compartilhado por todos, minimizando assim os riscos de desigualdade exacerbada.

Com vistas a esse futuro, fica clara a importância de um diálogo contínuo entre tecnólogos, empresários, políticos e a sociedade civil. Cada uma dessas esferas terá um papel vital em moldar um mundo onde a tecnologia de inteligência artificial atua como uma força para o progresso social e econômico, e não apenas como vetor de eficiência econômica.

Mundo

Deslizamento devastador em Papua-Nova Guiné: Milhares soterrados

27.05.2024 12:05 3 minutos de leitura
Visualizar

Endrick faz nesta semana último jogo pelo Palmeiras

Visualizar

Encargos trabalhistas no Brasil: impacto na economia e informalidade

Visualizar

Romário e Marcos Braz em delação sobre desvio de dinheiro no Rio

Visualizar

A ajuda de 1 bilhão de euros da Espanha para Ucrânia

Visualizar

Meio-Dia em Brasília: Quanto vale uma milícia?

Visualizar

< Notícia Anterior

5 mudanças de Milito que colocam o Atlético-MG em uma boa fase

13.05.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Dengue em São Paulo ultrapassa em oito vezes nível de epidemia

13.05.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (1)

Marcelo Augusto Monteiro Ferraz

2024-05-13 18:25:05

O aplicativo de redação de textos empregado por OA deve ser baseado em BA (Burrice Artificial), sendo capaz de gerar monstrengos relacionais do tipo "Como a Inteligência Artificial Está RESHAPING o Mercado de Trabalho...".


Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Deslizamento devastador em Papua-Nova Guiné: Milhares soterrados

Deslizamento devastador em Papua-Nova Guiné: Milhares soterrados

27.05.2024 12:05 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
A ajuda de 1 bilhão de euros da Espanha para Ucrânia

A ajuda de 1 bilhão de euros da Espanha para Ucrânia

27.05.2024 11:55 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
OTAN x Rússia: Kremlin diz que o confronto é direto

OTAN x Rússia: Kremlin diz que o confronto é direto

27.05.2024 11:14 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Tempestades nos EUA deixa 19 mortos

Tempestades nos EUA deixa 19 mortos

27.05.2024 10:39 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.