Imagens falsas de Trump com eleitores negros circulam nas redes Imagens falsas de Trump com eleitores negros circulam nas redes
O Antagonista

Imagens falsas de Trump com eleitores negros circulam nas redes

avatar
Alexandre Borges
3 minutos de leitura 05.03.2024 07:51 comentários
Mundo

Imagens falsas de Trump com eleitores negros circulam nas redes

Criadas por apoiadores sem vínculos com a campanha de Trump, segundo as investigações, estas imagens foram defendidas pelos autores como uma forma de arte

avatar
Alexandre Borges
3 minutos de leitura 05.03.2024 07:51 comentários 0
Imagens falsas de Trump com eleitores negros circulam nas redes
Trump Fake AI

Imagens falsas, geradas por inteligência artificial, mostrando o ex-presidente Donald Trump cercado de eleitores negros, viralizou nas redes sociais.

Criadas por apoiadores sem vínculos com a campanha de Trump, segundo as investigações, estas imagens foram defendidas pelos autores como uma forma de arte. Mark Kaye, um dos responsáveis pelas imagens e locutor de rádio da Flórida, diz que mistura ficção e realidade propositadamente porque reconhece o papel das “histórias” na construção de percepções políticas.

A facilidade com que a IA pode criar conteúdo falso chama atenção quanto ao seu uso na política, especialmente em um ciclo eleitoral onde a diferença entre verdade e manipulação torna-se cada vez mais tênue. Exemplos como chamadas telefônicas fake mimetizando a voz de Joe Biden são apenas a ponta do iceberg.

Cliff Albright, co-fundador do Black Voters Matter, alerta para o ressurgimento de táticas de desinformação direcionadas especialmente aos eleitores negros mais jovens, evidenciando uma estratégia calculada de influência eleitoral.

Diante de uma queda no apoio de eleitores negros, conforme indicado por uma pesquisa recente do NYTimes e Siena College, o principal comitê de ação política apoiando Trump prepara-se para lançar uma campanha publicitária visando especificamente este nicho em estados-chave.

Biden e Trump revelam diferenças sobre crise da fronteira e imigração

O presidente americano Joe Biden e o ex-presidente Donald Trump, prováveis adversários na eleição deste ano, têm ideias e históricos totalmente distintas sobre imigração.

Segundo levantamento recente do Pew Research Cerner, 62% dos americanos veem a imigração como benéfica, com 72% favoráveis à cidadania para imigrantes que cumpram requisitos específicos. Esse aparente consenso esconde uma divisão profunda dos eleitores sobre a imigração ilegal.

Durante visita à cidade de Brownsville (Texas) nesta quinta, 29, Biden preferiu falar de mudanças climáticas, referindo-se aos céticos como “neandertais”, o que surpreendeu o público local que esperava um discurso que falasse sobre imigração. Sobre o tema, Biden criticou o Congresso por sua “incapacidade” de aprovar legislação sobre a fronteira.

Trump, em uma entrevista exclusiva durante sua visita à fronteira em Eagle Pass (Texas), descreveu a situação como um “campo de batalha”, criticando o governo Biden pela falta de cooperação do México e pela gestão ineficaz dos governadores democratas dos estados de fronteira.

O ex-presidente enfatizou a presença de migrantes em “idade de combate” provenientes de países como Irã, China, Rússia e Afeganistão, sugerindo uma ameaça potencial à segurança nacional. Ele também lamentou o tratamento preferencial dado aos migrantes em comparação com os veteranos americanos, destacando os incentivos criados pelas políticas atuais que atraem imigrantes ilegais para o país.

Essas diferenças na abordagem da crise na fronteira ilustram as visões irreconciliáveis sobre imigração e segurança entre os dois líderes, o que promete incendiar a campanha deste ano.

Mundo

Metade dos americanos não quer nem Trump, nem Biden

Alexandre Borges
25.04.2024 08:42 3 minutos de leitura
Visualizar

160 baleias ficam encalhadas na Austrália

Visualizar

As empreiteiras da Lava Jato querem mais desconto

Visualizar

Senado aprova corte do IR para motoristas: entenda os benefícios

Visualizar

Entendeu a nova comemoração de gol do Endrick?

Visualizar

Balanços ruins devem pressionar mercado acionário

Rodrigo Oliveira Visualizar

< Notícia Anterior

De Arrascaeta fala sobre possibilidade de jogar na Europa

05.03.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Estado de emergência no Haiti: Gangues comandam a capital

05.03.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Alexandre Borges

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Metade dos americanos não quer nem Trump, nem Biden

Metade dos americanos não quer nem Trump, nem Biden

Alexandre Borges
25.04.2024 08:42 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
160 baleias ficam encalhadas na Austrália

160 baleias ficam encalhadas na Austrália

25.04.2024 08:36 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Oposição reage sobre reparação por escravidão: "traição à pátria"

Oposição reage sobre reparação por escravidão: "traição à pátria"

Alexandre Borges
25.04.2024 04:50 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
EUA enviam mísseis de longo alcance para Ucrânia

EUA enviam mísseis de longo alcance para Ucrânia

Alexandre Borges
25.04.2024 04:46 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.