O Antagonista

Homem mata pai nos EUA e exibe cabeça decapitada no Youtube

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 31.01.2024 16:30 comentários
Mundo

Homem mata pai nos EUA e exibe cabeça decapitada no Youtube

Chocante assassinato nos EUA: Justin Mohn mata o pai e declara ser o novo presidente interino. Saiba mais sobre esse crime perturbador que está abalando a política americana.

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 31.01.2024 16:30 comentários 1
Homem mata pai nos EUA e exibe cabeça decapitada no Youtube
Fonte: poder360

Um assassinato bárbaro nos Estados Unidos tem mantido o país em alerta. O acusado, Justin Mohn, de 32 anos, alegou ser o novo chefe interino da nação em um vídeo controverso publicado em uma plataforma de mídia social. Ele explicitamente criticou a presidência atual de Joe Biden e a crisis na fronteira com o México.

Assassinato Brutal em meio a uma crise política

Justin Mohn é agora um alvo de investigação após a descoberta do cadáver decapitado de um homem de 60 anos. No vídeo chocante, Mohn não se conteve em mostrar o que seria a cabeça de seu pai dentro de um saco plástico transparente, todo sujo de sangue.

Ele afirmou que seu pai, um traidor que foi servidor público por duas décadas, contribuiu para a queda de seu país. “O governo federal da América declarou guerra aos seus cidadãos e aos estados americanos. A América está apodrecendo de dentro para fora, com a extrema esquerda acordando multidões que agitam nossas cidades outrora prósperas“, desabafa o acusado no vídeo.

Suspeito em custódia

Após deixar o local do crime, Mohn tentou fugir mas foi capturado próximo a uma base de treinamento da Guarda Nacional, na Pensilvânia. Atualmente, ele está sob custódia, acusado de assassinato, abuso de cadáver e outras infrações. Não está claro se Mohn possui representação legal.

O posicionamento do YouTube

O vídeo, repleto de alegações e imagens perturbadoras, gerou mais de 5 mil visualizações antes de ser retirado do YouTube. A plataforma se posicionou sobre o incidente alegando como motivo da remoção a violação de suas políticas rígidas que proíbem violência explícita e extremismo violento. “O vídeo foi removido por violar nossa política de violência explícita e o canal de Justin Mohn foi encerrado de acordo com nossas políticas de extremismo violento“, confirmou o YouTube.

O conteúdo repercutiu de forma tão intensa que as autoridades da Procuradoria do Condado de Bucks agendaram uma coletiva de imprensa para mais esclarecimentos sobre o caso chocante que perturbou os americanos e o mundo.

Mundo

Gerente de hotel na Índia é preso após servir gelo seco como refresco de boca a clientes

05.03.2024 08:53 2 minutos de leitura
Visualizar

Agência da ONU em Gaza “está infestada de terroristas”

Visualizar

Relatório da ONU expõe crimes sexuais e torturas em série do Hamas

Alexandre Borges Visualizar

Vibra comemora lucro recorde, mas perde participação de mercado

Rodrigo Oliveira Visualizar

Justiça nega pedido do Vasco para suspender licitação do Maracanã

Visualizar

MEI: prazo para enviar a declaração, entenda como evitar multas

Visualizar

Tags relacionadas

Estados Unidos EUA
< Notícia Anterior

EMATER-DF reabre inscrições para concurso com salários de até R$ 6,3 mil

31.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Milei deu match com o dono do Tinder

31.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (1)

Marcia Elizabeth Brunetti

2024-01-31 17:39:09

Esses jovens estão enlouquecendo por questões políticas, mas sem saber exatamente quais seus objetivos. Resta a eles promover atos terríveis como esse. O tal Justin num ato extremo decapita seu pai em nome da política!


Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Gerente de hotel na Índia é preso após servir gelo seco como refresco de boca a clientes

Gerente de hotel na Índia é preso após servir gelo seco como refresco de boca a clientes

05.03.2024 08:53 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Agência da ONU em Gaza “está infestada de terroristas”

Agência da ONU em Gaza “está infestada de terroristas”

05.03.2024 08:45 4 minutos de leitura
Visualizar notícia
Relatório da ONU expõe crimes sexuais e torturas em série do Hamas

Relatório da ONU expõe crimes sexuais e torturas em série do Hamas

Alexandre Borges
05.03.2024 08:40 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Estado de emergência no Haiti: Gangues comandam a capital

Estado de emergência no Haiti: Gangues comandam a capital

05.03.2024 07:54 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.