Ex-vice do Equador preso em embaixada do México pede ajuda a Lula Ex-vice do Equador preso em embaixada do México pede ajuda a Lula
O Antagonista

Ex-vice do Equador preso em embaixada do México pede ajuda a Lula

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 19.04.2024 18:59 comentários
Mundo

Ex-vice do Equador preso em embaixada do México pede ajuda a Lula

Glas disse em carta a Lula que está “na pior prisão do país e em greve de fome” e que "só a pressão internacional pode ajudar”

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 19.04.2024 18:59 comentários 0
Ex-vice do Equador preso em embaixada do México pede ajuda a Lula
Foto: Polícia Nacional do Equador

O ex-vice-presidente do Equador preso pela polícia equatoriana na embaixada do México em Quito, Jorge Glas (foto), escreveu uma carta com pedido de ajuda a Lula.

A informação é da CNN Brasil, publicada nesta sexta-feira, 19 de abril.

“Sou Jorge Glas, ex-vice[-presidente] de Rafael [Correa]. Outra vez estou preso, me ajude”, escreveu o equatoriano na carta, que foi entregue a Lula durante a viagem oficial do petista a Bogotá, nesta semana.

Quem entregou a mensagem foi o ex-presidente colombiano Ernesto Samper.

Glas disse que está “na pior prisão do país e em greve de fome” e que “só a pressão internacional pode ajudar”.

A carta do ex-vice-presidente equatoriano também foi endereçada aos presidentes da Colômbia, Gustavo Petro, e do México, Andrés Manuel López Obrador.

Lula quer desculpas do Equador

Lula resolveu entrar de novo na disputa entre Equador e México, após o primeiro país invadir a embaixada do segundo, em seu país. O incidente diplomático, registrado há 11 dias, gerou o rompimento das relações do país, e uma ação na Corte Internacional de Justiça em Haia.

Em discurso nesta terça-feira, 16, durante reunião extraordinária da Celac, a Comunidade de Estados Latino-Americanos e Caribenhos, Lula deu razão ao México.

“O que aconteceu em Quito, no último dia 5, é simplesmente inaceitável e não afeta só o México — diz respeitos a todos nós”, disse Lula em sua intervenção. O petista disse que medida dessa natureza nunca havia ocorrido “nem mesmo nos sombrios tempos das ditaduras militares”.

Por isso, concluiu o petista, “um pedido formal de desculpas por parte do Equador é um primeiro passo na direção correta.”

O presidente brasileiro lembrou da Declaração de Caracas sobre Asilo Diplomático, assinada em 1954 e ratificada pelo país três anos depois. Apesar de considerar que a Celac deve trabalhar no restabelecimento das relações entre os dois países, o governo brasileiro irá apoiar a ação mexicana em Haia.

Brasil

Defensoria vai ao STF por mudança em edital de câmeras em SP

27.05.2024 12:32 5 minutos de leitura
Visualizar

Galvão Bueno de volta a Fórmula 1?

Visualizar

Bebê é atingida por bala perdida em Hospital do Recife

Visualizar

"Não consigo enxergar ninguém vendendo nada pelo Instagram"

Rodrigo Oliveira Visualizar

ICQ: O adeus de um gigante das mensagens instantâneas

Visualizar

Deslizamento devastador em Papua-Nova Guiné: Milhares soterrados

Visualizar

Tags relacionadas

Equador Jorge Glas Lula
< Notícia Anterior

Brasil chega na casa das 1600 mortes por dengue

19.04.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Internacional busca retomada de vitórias sob comando de Eduardo Coudet

19.04.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

ICQ: O adeus de um gigante das mensagens instantâneas

ICQ: O adeus de um gigante das mensagens instantâneas

27.05.2024 12:13 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Deslizamento devastador em Papua-Nova Guiné: Milhares soterrados

Deslizamento devastador em Papua-Nova Guiné: Milhares soterrados

27.05.2024 12:05 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
A ajuda de 1 bilhão de euros da Espanha para Ucrânia

A ajuda de 1 bilhão de euros da Espanha para Ucrânia

27.05.2024 11:55 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
OTAN x Rússia: Kremlin diz que o confronto é direto

OTAN x Rússia: Kremlin diz que o confronto é direto

27.05.2024 11:14 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.