Empresa da China desenvolve humanoides com expressões faciais Empresa da China desenvolve humanoides com expressões faciais
O Antagonista

Empresa da China desenvolve humanoides com expressões faciais

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 11.06.2024 12:41 comentários
Mundo

Empresa da China desenvolve humanoides com expressões faciais

A revolução dos robôs humanoides que expressam emoções. A Ex-Robots, na China, lidera essa tecnologia e muda a forma como interagimos com máquinas

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 11.06.2024 12:41 comentários 0
Empresa da China desenvolve humanoides com expressões faciais
Reprodução/Ex-Robots

No coração industrial de Dalian, na China, uma revolução silenciosa está acontecendo no mundo da robótica. A empresa Ex-Robots, liderada pelo presidente-executivo Li Boyang, está definindo o futuro dos robôs humanoides, não apenas em termos de movimento, mas agora, com um foco especial na expressão de emoções e interações humanas.

Em uma instalação que mais se assemelha a um laboratório de última geração, vários componentes de robôs, como cabeças e membros, são meticulosamente esculpidos e programados para simular expressões faciais humanas. A realidade ali presente poderia ser confundida com uma cena de um filme de ficção científica.

Como a Ex-Robots Está Inovando na Robótica Humanizada?

Li Boyang explica que, apesar de muitos dos algoritmos básicos serem de domínio público, a Ex-Robots explora novas fronteiras, aprimorando a inteligência artificial para que ela não apenas reconheça, mas também expresse sentimentos de forma convincente. “A criação de modelos que integram multimodalidades capazes de perceber o ambiente e responder com feedbacks faciais é nosso principal avanço”, revela Li.

Quais são as Aplicações Futuras Previstas para os Robôs Humanoides?

Embora atualmente os robôs humanoides da Ex-Robots sejam utilizados principalmente em museus, Li Boyang tem uma visão expansiva para suas aplicações futuras. Com uma pesquisa contínua, eles poderiam transformar setores como a saúde e educação.

“Imaginem um mundo onde robôs podem auxiliar na saúde emocional das pessoas, atuando desde aconselhamento psicológico até assistência no tratamento de transtornos,” teoriza Li. “A interação emocional poderia beneficiar especialmente serviços focados nas necessidades de crianças e idosos.”

Uma Revolução na Manufatura de Robôs Humanoides

  • Criação de modelos faciais emocionais
  • Expressão de emoções através de IA
  • Aplicações em saúde mental e educação

A empresa oferece robôs que variam de 1,5 milhão de iuans (207 mil dólares) a 2 milhões de iuans, cada um criado com a meta de tornar as interações com máquinas mais naturais e empáticas. O desenvolvimento desses avançados seres robóticos leva de duas semanas a um mês, um tempo impressionantemente curto para tecnologia tão complexa.

O futuro dos robôs humanoides parece promissor e com grande potencial para ultrapassar as barreiras tradicionais entre máquinas e humanos. Na Ex-Robots, cada robô é mais do que uma máquina; é uma ponte para um futuro mais integrado e emocionalmente conectado.

Brasil

Aviação executiva tem crescimento exponencial no Brasil

16.06.2024 15:30 3 minutos de leitura
Visualizar

CRICIÚMA X BAHIA: confira os horários e onde assistir ao jogo do Brasileirão

Visualizar

Pelo menos 20 mil pessoas foram resgatadas no Rio Grande do Sul

Visualizar

CUIABÁ X FORTALEZA: confira os horários e onde assistir ao jogo do Brasileirão

Visualizar

Abraços ajudam a diminuir hormônio do estresse

Visualizar

Homens comem mais carne do que mulheres

Visualizar

Tags relacionadas

China humanoides robôs
< Notícia Anterior

Diego Costa tem lesão diagnosticada e vira desfalque no Grêmio

11.06.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Idoso morre após uma voadora no peito em Santos

11.06.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Abraços ajudam a diminuir hormônio do estresse

Abraços ajudam a diminuir hormônio do estresse

16.06.2024 15:00 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Homens comem mais carne do que mulheres

Homens comem mais carne do que mulheres

16.06.2024 14:45 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Mudanças Climáticas: estudo relaciona aumento de enxaquecas ao excesso de calor

Mudanças Climáticas: estudo relaciona aumento de enxaquecas ao excesso de calor

16.06.2024 14:24 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Famílias e refém resgatado apelam por acordo entre Israel e Hamas

Famílias e refém resgatado apelam por acordo entre Israel e Hamas

Felipe Moura Brasil
16.06.2024 13:57 6 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.