O Antagonista

Crusoé: resgate de dois argentinos dá força para Israel seguir até o fim

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 12.02.2024 21:19 comentários
Mundo

Crusoé: resgate de dois argentinos dá força para Israel seguir até o fim

Dois homens, Fernando Simon Marman, de 61 anos, e Norberto Louis Har, de 70, foram libertados por uma operação em Rafah

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 12.02.2024 21:19 comentários 2
Crusoé: resgate de dois argentinos dá força para Israel seguir até o fim
Reprodução/ FDI

O resgate de dois reféns argentinos que estavam nos cativeiros do grupo terrorista Hamas na Faixa de Gaza (foto) deve dar força para que Israel continue com a guerra até o fim.

Os dois homens, Fernando Simon Marman, de 61 anos, e Norberto Louis Har, de 70, foram libertados por uma operação em Rafah, a cidade mais ao sul de Israel, que fica colada à cerca que divide o enclave com o Egito.

Rafah é o que falta para que toda a Faixa de Gaza esteja sob controle das Forças de Defesa de Israel, as FDI.

Quando o governo de Benjamin Netanyahu anunciou que teria início uma operação em Rafah, alguns países árabes reclamaram ou fizeram ameaças.

O Egito ameaçou suspender o acordo de paz que tem com Israel desde 1979.

A Arábia Saudita, os Emirados Árabes Unidos e a Jordânia enviaram mensagens alertando Israel para os riscos.

Dos Estados Unidos, Joe Biden avisou que uma operação em Rafah só deveria ser feita após um cuidado estudo de como está ocorrendo a ajuda humanitária na região.

Mas a operação que ocorreu nas primeiras horas desta segunda, 12, mostrou que Israel pode alcançar os seus objetivos com o uso de inteligência obtida por meio do Shin Bet, focado na inteligência interna, e dos departamentos de inteligência de suas Forças Armadas.

O sucesso da operação levou o Hamas a sentir a pressão. Foi a partir daí que o grupo mudou o tom e começou a falar em negociar a libertação de mais reféns.

Se os chefes do Hamas tivessem sentido que as FDI não iriam até o fim, eles não teriam motivos para negociar.

Mas as forças israelenses mantiveram a pressão na cidade de Khan Younis, mesmo com a morte de dois soldados israelenses, e em seguida ajustaram o foco para Rafah.

Na noite desta segunda,…

Leia mais em Crusoé

Brasil

Rui Costa avalia que fala de Bolsonaro foi "confissão de crimes praticados"

Wesley Oliveira
26.02.2024 15:06 2 minutos de leitura
Visualizar

TSE define regras para uso da inteligência artificial nas eleições

Visualizar

Grêmio confirma jogo da estreia de Diego Costa

Visualizar

Lula resolveu calar sobre Bolsonaro

Visualizar

“Espero que não leve política ao ofício de julgador”, diz Marco Aurélio sobre Dino

Visualizar

Líderes europeus reunidos em Paris para reforçar apoio à Ucrânia

Visualizar

Tags relacionadas

Gaza Israel
< Notícia Anterior

Trump pede a Suprema Corte para o adiar julgamento de interferência eleitoral

12.02.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Fluminense recebe reforços de Kennedy e Alexsander e espera por Marquinhos

12.02.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (2)

Neia De Lazzari

2024-02-13 02:36:10

Força Israel 🇮🇱🙏🇮🇱


Carlos Alberto Bolsoni

2024-02-13 00:59:49

O senil presidente dis EUA disse ao rei da Jordânia que não aprova a investida sobre Rafah. Imaginem se Israel tivesse fraquejado após mais essa fala de Biden. Esses dois homens teriam sido mortos pela milícia terrorista do Hamas. A luta continua. Há mais refens para serem libertados.


Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Líderes europeus reunidos em Paris para reforçar apoio à Ucrânia

Líderes europeus reunidos em Paris para reforçar apoio à Ucrânia

26.02.2024 14:45 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Hungria dá sinal verde à entrada da Suécia na Otan

Hungria dá sinal verde à entrada da Suécia na Otan

26.02.2024 13:57 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Startup aposta em criação de insetos para combater mudanças climáticas

Startup aposta em criação de insetos para combater mudanças climáticas

26.02.2024 13:00 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Ex-ministro Abalos resistente à renúncia em meio a escândalo de corrupção na Espanha

Ex-ministro Abalos resistente à renúncia em meio a escândalo de corrupção na Espanha

26.02.2024 12:33 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.