Agricultores em cólera: protesto pode sair de controle na França Agricultores em cólera: protesto pode sair de controle na França
O Antagonista

Agricultores em cólera: protesto pode sair de controle na França

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 25.01.2024 09:00 comentários
Mundo

Agricultores em cólera: protesto pode sair de controle na França

Muitas estradas em toda a França estão bloqueadas por comboios de tratores. A Coordenação Rural, segundo sindicato agrícola, prometeu ações “espetaculares” nesta quinta-feira.

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 25.01.2024 09:00 comentários 0
Agricultores em cólera: protesto pode sair de controle na França
Reprodução/X

Os agricultores continuam nesta quinta-feira, 25 de janeiro, a sua mobilização em toda a França para exigir simplificações administrativas, melhores remunerações e menos normas ambientais.

Muitas estradas em toda a França estão bloqueadas por comboios de tratores. Na manhã de hoje, quinta, ocorreram bloqueios na Île-de-France. Na Occitânia, ponto de partida do protesto agrícola da semana passada, a rodovia Toulouse-Bayonne ainda está cortada. Várias prefeituras anunciaram na rede social X novos bloqueios e fechamentos de rodovias previstos e, em Oise, cerca de 50 tratores não descartaram a possibilidade de se deslocarem em direção a Paris.

Na quarta-feira, a situação ficou particularmente tensa em Agen, onde agricultores, indignados após uma reunião na prefeitura, derramaram chorume na fachada do edifício e atearam fogo em frente aos portões.

Em nota divulgada na quarta-feira, 24 de janeiro, a agência de inteligência francesa afirmou que os “sindicatos correm o risco de ficar sobrecarregados” se a reação do governo demorar “muito tempo”. Considera-se que “quanto mais os dias passam, mais aumenta o risco de descontrole.

Observa-se que “em muitas ações, a proporção de não sindicalizados é significativa”, acrescentando que estes últimos “não são obrigados a responder favoravelmente às instruções sindicais”.“A espera constitui claramente um fator de desordem que pode levar a ações desenfreadas”, prossegue a informação, para a qual “os riscos de perturbação da ordem pública são reais”.

A Coordenação Rural, segundo sindicato agrícola, prometeu ações “espetaculares” nesta quinta-feira.

Uma marcha em homenagem à criadora e à sua filha de 12 anos, falecida na sequência de um acidente ocorrido terça-feira numa barragem de agricultores em Ariège, está prevista para sábado em Pamiers.O motorista do carro que os atingiu foi indiciado na noite de quarta-feira por homicídio

O protesto dos agricultores é contra a União Europeia?

Aos olhos dos agricultores, a transposição excessiva na França das normas europeias cria uma grave distorção da concorrência.

Um jovem manifestante diz sobre a União Europeia: está “matando lentamente” a profissão. Luc Smessaert, um importante dirigente sindical, rapidamente pegou no megafone e esclareceu diante dos microfones da imprensa: “cuidado, não somos eurofóbicos! Queremos apenas que a União Europeia seja mais justa.”

Diante das demandas variadas de um movimento cuja base inicialmente parece ter ido além dos dirigentes sindicais, às vezes é difícil ver com clareza, mas, de fato, a política agrícola comum da União Europeia e a burocracia que a acompanha são destacadas pelos agricultores franceses e europeus como um dos motivos de protesto.


O primeiro-ministro fará anúncios

Está prevista para quinta-feira, 25 de janeiro, reuniões do primeiro ministro, Gabriel Attal, com os ministros da Agricultura, da Transição Ecológica e da Economia para tratar da crise com os agricultores.

O primeiro-ministro fará “propostas concretas de medidas de simplificação” para os agricultores na sexta-feira, 26 de janeiro, durante uma viagem com o ministro da Agricultura, Marc Fesneau.

.

Esportes

Entendeu a nova comemoração de Endrick?

25.04.2024 08:20 2 minutos de leitura
Visualizar

Balanços ruins devem pressionar mercado acionário

Rodrigo Oliveira Visualizar

Concurso Caixa 2024: Garanta sua vaga em um dos maiores bancos do Brasil

Visualizar

INSS antecipa 13° salário: injeção na economia

Visualizar

Flamengo é derrotado pelo Bolívar e perde a invencibilidade na Libertadores

Visualizar

Um panfleteiro do Hamas na Câmara

Visualizar

Tags relacionadas

França protestos
< Notícia Anterior

Mulher é brutalmente agredida e jogada de carro em Goiânia

25.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Evite a malha fina: saiba como regularizar sua declaração de Imposto de Renda

25.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

O Antagonista é um dos principais sites jornalísticos de informação e análise sobre política do Brasil. Sua equipe é composta por jornalistas profissionais, empenhados na divulgação de fatos de interesse público devidamente verificados e no combate às fake news.

Suas redes

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Oposição reage sobre reparação por escravidão: "traição à pátria"

Oposição reage sobre reparação por escravidão: "traição à pátria"

Alexandre Borges
25.04.2024 04:50 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
EUA enviam mísseis de longo alcance para Ucrânia

EUA enviam mísseis de longo alcance para Ucrânia

Alexandre Borges
25.04.2024 04:46 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Estrangeiros em protestos antissemitas podem ser deportados

Estrangeiros em protestos antissemitas podem ser deportados

Alexandre Borges
25.04.2024 04:43 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Musk em guerra judicial por super pacote de remuneração

Musk em guerra judicial por super pacote de remuneração

Alexandre Borges
25.04.2024 04:33 5 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.