O Antagonista

Lewis Hamilton deixa a Mercedes e se junta à Ferrari em 2025

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 01.02.2024 16:58 comentários
Esportes

Lewis Hamilton deixa a Mercedes e se junta à Ferrari em 2025

Hamilton tinha contrato com a Mercedes até o final de 2025, mas optou por romper o vínculo para substituir Sainz na Ferrari no próximo ano

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 01.02.2024 16:58 comentários 0
Lewis Hamilton deixa a Mercedes e se junta à Ferrari em 2025
Lewis Hamilton fará sua última temporada na Mercedes.

Após mais de uma década de parceria, o heptacampeão de Fórmula 1 Lewis Hamilton vai deixar a equipe Mercedes. Nesta quinta-feira, 1º, a escuderia alemã anunciou oficialmente a saída do piloto britânico ao final da temporada de 2024.

Hamilton irá se unir à Ferrari a partir de 2025, em um contrato multianual cuja duração não foi revelada. A notícia pegou muitos de surpresa, já que Hamilton tinha contrato com a Mercedes até o final de 2025, mas optou por romper o vínculo para substituir Carlos Sainz no próximo ano.

O que diz Lewis Hamilton?

Em declaração sobre sua decisão, Hamilton expressou gratidão pela equipe Mercedes: “Tive incríveis 11 anos com essa equipe e estou tão orgulhoso do que atingimos juntos. A Mercedes faz parte da minha vida desde os meus 13 anos de idade. É um lugar onde cresci, então tomar a decisão de partir foi uma das mais difíceis que já tomei. Mas o momento é certo para mim, para que eu tome esse passo, e estou animado por assumir um novo desafio“.

Hamilton também enfatizou seu comprometimento com a Mercedes até o final desta temporada: “Vou ser eternamente grato pelo incrível apoio da minha família na Mercedes, especialmente a Toto Wolff, por sua amizade e liderança. Quero terminar pela porta da frente. Estou 100% comprometido em entregar a melhor performance que eu puder nesta temporada e fazer do meu último ano com as Flechas de Prata algo a ser lembrado“.

O agradecimentos de Toto Wolff

O chefe de equipe da Mercedes, Toto Wolff, agradeceu a parceria de 11 anos com Hamilton e afirmou que ainda não há detalhes sobre quem irá substituir o heptacampeão. Ele também ressaltou o sucesso da parceria entre a equipe e o piloto: “Em termos de uma parceria equipe-piloto, nosso relacionamento com Lewis se tornou o mais bem-sucedido que o esporte já viu, e isso é algo que podemos olhar com orgulho. Lewis sempre será uma parte importante da história da Mercedes no automobilismo“.

Com a mudança para a Ferrari, Hamilton correrá ao lado de Charles Leclerc, cujo contrato com a escuderia italiana foi recentemente estendido em um acordo multianual. Carlos Sainz, que atualmente ocupa essa posição na equipe, se despedirá após quatro temporadas.

O anúncio da saída de Hamilton da Mercedes

A saída de Hamilton da Mercedes rumo à Ferrari em 2025 foi anunciada após uma reunião entre a equipe e seus funcionários em Brackley. Segundo informações, a Mercedes confirmou a mudança durante o encontro.

A Ferrari também anunciou a chegada de Hamilton à equipe em 2025. em suas redes sociais a Escuderia disse: “A Scuderia Ferrari tem o prazer de anunciar que Lewis Hamilton se juntará à equipe em 2025, com um contrato multianual.

A trajetória de Hamilton na equipe inglesa

Ao longo de seus dez anos na Mercedes, Hamilton conquistou 82 vitórias em 222 Grandes Prêmios disputados, além de 78 pole positions e 148 pódios.

A próxima temporada da Fórmula 1 terá início em março com o Grande Prêmio do Bahrein. Serão realizadas 24 etapas, tornando-se a maior temporada da história da categoria.

Mundo

Silvio Almeida acusa Israel de "apartheid" na ONU

26.02.2024 15:46 3 minutos de leitura
Visualizar

PSDB à deriva em São Paulo

Visualizar

"Estimativa de público tem caráter técnico", diz PM após ruídos

Visualizar

Mais um candidato à cadeira de Sergio Moro

Visualizar

Deputado quer proibir a instalação de sessões eleitorais em sedes de sindicatos

Visualizar

Os reféns voluntários da polarização  

Carlos Graieb Visualizar

Tags relacionadas

F1 Ferrari Lewis Hamilton Mercedes
< Notícia Anterior

Espanha e Alemanha desafiam França e defendem acordo comercial UE-Mercosul

01.02.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

INSS convoca 4,3 milhões de segurados para fazer a prova de vida

01.02.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

CEO do Fortaleza revela mais de 1.200 lesões no atentado contra ônibus do time!

CEO do Fortaleza revela mais de 1.200 lesões no atentado contra ônibus do time!

26.02.2024 15:30 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Grêmio confirma jogo da estreia de Diego Costa

Grêmio confirma jogo da estreia de Diego Costa

26.02.2024 15:00 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
São Paulo tem queda brusca de aproveitamento após título da Supercopa

São Paulo tem queda brusca de aproveitamento após título da Supercopa

26.02.2024 14:30 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Mesmo líder, Palmeiras não pode perder clássico contra o São Paulo

Mesmo líder, Palmeiras não pode perder clássico contra o São Paulo

26.02.2024 14:00 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.