Fazenda espera Selic mais baixa após desemprego subir nos EUA Fazenda espera Selic mais baixa após desemprego subir nos EUA
O Antagonista

Desemprego nos EUA reacende esperança em corte maior na Selic

avatar
Rodrigo Oliveira
3 minutos de leitura 03.05.2024 17:41 comentários
Economia

Desemprego nos EUA reacende esperança em corte maior na Selic

Mercado entende que arrefecimento na geração de postos de trabalho e aumento na taxa de desemprego pode antecipar cortes nos juros americanos

avatar
Rodrigo Oliveira
3 minutos de leitura 03.05.2024 17:41 comentários 0
Desemprego nos EUA reacende esperança em corte maior na Selic
Foto: Leonardo Sá/Agência Senado

Semana registrou forte melhora em ativos nacionais com fala do presidente do FED, Jerome Powell, e dados do mercado de trabalho americano apontando crescimento do desemprego e redução no número de vagas criadas em abril.

O dólar, que chegou a bater 5,20 reais na véspera do feriado de 1º de maio e da decisão sobre juros do FED, encerrou o período em baixa de mais de 1,7% cotado a 5,07 reais. A volatilidade da moeda americana contra o real foi impulsionada pelo receio sobre o futuro da política monetária americana que enfrenta uma desaceleração no processo de queda da inflação.

A pressão mais resistente nos preços no Estados Unidos levou o mercado financeiro global a reduzir as apostas de que o ciclo de relaxamento monetário, com o corte das taxas básicas de juros, fosse começar antes de dezembro nos EUA. E algum agentes econômicos começaram a vislumbrar um possível alta no custo dos empréstimos por lá.

Com taxas mais altas, o dólar tende a se apreciar. Na quarta-feira, 1º, porém, Powell reafirmou que um reajusta para cima nos juros americanos era “improvável” e repetiu que, em algum momento, o FED deve começar a afrouxar a política monetária.

Os juros futuros locais, que haviam subido seguindo a piora americana, caíram fortemente no dia seguinte às declarações do presidente do FED. Nesta sexta-feira, 3, as perspectivas melhoraram ainda mais com dados mostrando que o mercado de trabalho americano está perdendo força.

Com desemprego em alta e rendimentos dos trabalhadores e criação de vagas em queda, os investidores entenderam que o FED pode ter de antecipar o início dos cortes dos juros por lá. Isso aprofundou o movimento no Brasil e fez com que os juros futuros locais encerrassem a semana com recuos de mais de 20 pontos base nos vencimentos a partir de 4 anos.

Com isso, os investidores voltaram a precificar alguma chance de um corte de 0,5 ponto percentual na Selic na próxima decisão do Copom (Comitê de Política Monetária) na semana que vem. Ainda assim, a visão majoritária é de que a redução deve ficar mesmo em 0,25 ponto percentual, o que levaria a taxa básica de juros dos atuais 10,75% ao ano para 10,50% ao ano.

O Ibovespa, principal índice acionário brasileiro, também se beneficiou da melhora no humor internacional e engatou a segunda semana consecutiva em terreno positivo, com valorização de 1,57%, aos 128,5 mil pontos.

Meio-dia em Brasília

Meio-Dia em Brasília: Após Moro, Deltan tem chances de ir ao Senado?

23.05.2024 11:46 1 minuto de leitura
Visualizar

Onde assistir Al-Riyadh x Al-Nassr: confira detalhes da partida

Visualizar

Um outro projeto de trem para São Paulo

Visualizar

Concurso ISS na Prefeitura de Itaobim: salário inicial de R$ 1.412

Visualizar

Onde assistir Al-Hilal x Al Tai: confira detalhes da partida

Visualizar

Semana do MEI 2024: capacitação e sucesso com Sebrae

Visualizar

< Notícia Anterior

Tornado destrói casas no Texas

03.05.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

São Paulo bate recorde de calor atingido em 2001

03.05.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Rodrigo Oliveira

Jornalista pela UnB (Universidade de Brasília), pós-graduado em Marketing &amp; Mídias Digitais pela FGV (Fundação Getúlio Vargas) e especializado em finanças e negócios. É Analista de Valores Mobiliários (CNPI) certificado pela Apimec (Associação dos Analistas e Profissionais de Investimento do Mercado de Capitais) com quatro anos de experiência profissional no mercado financeiro.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Semana do MEI 2024: capacitação e sucesso com Sebrae

Semana do MEI 2024: capacitação e sucesso com Sebrae

23.05.2024 11:30 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Novo cálculo do Bolsa Família pode ampliar beneficiários

Novo cálculo do Bolsa Família pode ampliar beneficiários

23.05.2024 11:00 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Lucro de gigante do IA cresce 6x e ações disparam

Lucro de gigante do IA cresce 6x e ações disparam

23.05.2024 10:45 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Reforma tributária: desafios e estratégias para o Simples Nacional

Reforma tributária: desafios e estratégias para o Simples Nacional

23.05.2024 10:30 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.