Um dos grandes do PCC é morto a tiros em Minas Gerais Um dos grandes do PCC é morto a tiros em Minas Gerais
O Antagonista

Um dos grandes do PCC é morto a tiros em Minas Gerais

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 20.04.2024 12:02 comentários
Brasil

Um dos grandes do PCC é morto a tiros em Minas Gerais

Membro do PCC é assassinado em Patrocínio. Carlos Juscelino, conhecido como 'Nem Sem Terra', foi morto a tiros.

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 20.04.2024 12:02 comentários 0
Um dos grandes do PCC é morto a tiros em Minas Gerais
Fonte: Divulgação/ PMMG

Na noite desta sexta-feira, o interior de Minas Gerais foi palco de um acontecimento que repercutiu nas esferas policial e social. Carlos Alexandre da Silva Juscelino, conhecido pelo codinome “Nem Sem Terra” e membro do primeiro Comando da Capital (PCC), foi brutalmente assassinado a tiros em Patrocínio, um município que raramente figura nas páginas policiais por eventos dessa magnitude.

Antecedentes criminais e a vida sob regime domiciliar

Com uma ficha criminal extensa e marcada por mais de 20 assassinatos, além de diversos casos de tortura, “Nem Sem Terra” havia sidos condenado originalmente a 72 anos de prisão. No entanto, na semana passada, ele havia obtido o direito de cumprir sua pena em regime domiciliar, uma decisão que levantou debates e questionamentos sobre sua execução. Seu papel de liderança no tráfico de drogas na região Oeste de Belo Horizonte, no Morro das Pedras, o colocava como uma figura proeminente e temida, sendo considerado um dos maiores traficantes de Minas Gerais.

Detalhes do assassinato que chocou Patrocínio

O crime ocorreu em uma avenida movimentada de Patrocínio, quando um outro homem, ainda não identificado, aproximou-se de Juscelino e efetuou diversos disparos, atingindo-o principalmente no peito. “Nem Sem Terra” foi socorrido, mas os esforços foram em vão; ele faleceu no local do crime, tendo sua morte confirmada pelas equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) que prontamente atenderam a ocorrência.

O que se sabe sobre as investigações?

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) emitiu uma nota informando que deslocou a perícia oficial para o local do acontecimento imediatamente após os fatos. Foram realizados os primeiros levantamentos e coleta de vestígios na cena do crime. No entanto, até o momento, a autoria e as motivações por trás do assassinato de Juscelino ainda estão sob investigação. O caso continua a ser um quebra-cabeça para as autoridades, alimentando especulações e temores acerca de possíveis retaliações ou confrontos subsequentes.

Mundo

Aos 60 anos, Alejandra Rodríguez brilha no Miss Universo Argentina 2024

25.05.2024 23:00 3 minutos de leitura
Visualizar

Zhongnanhai: A Casa Branca chinesa

Visualizar

Leptospirose no RS: 4 mortes e 76 casos confirmados

Visualizar

Corredor humanitário do RS atinge 7 Km de congestionamento

Visualizar

Toni Kroos se despede do Santiago Bernabéu com o Real Madrid

Visualizar

Em último jogo de Mbappe, PSG vence a copa da França

Visualizar

Tags relacionadas

Minas Gerais PCC traficante
< Notícia Anterior

Onde assistir aos jogos de hoje, 20/04, na TV e streaming

20.04.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Onde assistir Manchester City x Chelsea: confira detalhes da partida

20.04.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Leptospirose no RS: 4 mortes e 76 casos confirmados

Leptospirose no RS: 4 mortes e 76 casos confirmados

25.05.2024 22:15 4 minutos de leitura
Visualizar notícia
Corredor humanitário do RS atinge 7 Km de congestionamento

Corredor humanitário do RS atinge 7 Km de congestionamento

25.05.2024 21:40 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Chuvas no RS: Número de morto sobe para 166

Chuvas no RS: Número de morto sobe para 166

25.05.2024 20:55 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Anitta responde a moção de repúdio ironizando e criticando os deputados

Anitta responde a moção de repúdio ironizando e criticando os deputados

25.05.2024 20:36 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.