O Antagonista

STF revalida escutas telefônicas do Caso Sundown

avatar
Gabriela Coelho
2 minutos de leitura 17.03.2022 16:38 comentários
Brasil

STF revalida escutas telefônicas do Caso Sundown

Por seis votos a quatro, o plenário do Supremo Tribunal Federal decidiu revalidar as escutas telefônicas da Operação Pôr do Sol, filhote do Banestado que desbaratou esquema de lavagem de dinheiro envolvendo o grupo Sundown...

avatar
Gabriela Coelho
2 minutos de leitura 17.03.2022 16:38 comentários 0
STF revalida escutas telefônicas do Caso Sundown
Foto: CNJ

Por seis votos a quatro, o plenário do Supremo Tribunal Federal decidiu revalidar as escutas telefônicas da Operação Pôr do Sol, filhote do Banestado que desbaratou esquema de lavagem de dinheiro envolvendo o grupo Sundown. A decisão, em tese, cancela a anulação das provas decida pelo STJ e restabelece o inquérito.

Em 2008, os ministros do Superior Tribunal de Justiça entenderam que não havia fundamentação para a renovação sucessiva de escutas telefônicas, por mais de dois anos, contra os empresários uruguaios Izidoro Rosenblum Trosman e Rolando Rozenblum Elpern, donos da Sundown, importadora de bicicletas e artigos esportivos.

Em 2011, o MPF recorreu sob o argumento de que as prorrogações foram devidamente justificadas e que a decisão do STJ teria violado artigo da Constituição que trata do princípio da fundamentação das decisões judiciais.

O juiz do caso era Sergio Moro e os procuradores, Deltan Dallagnol e Orlando Martello, que mais tarde trabalhariam na Lava Jato.

Gilmar Mendes, relator do caso, votou ontem para manter a decisão do STJ, afirmando que a falha da fundamentação da prorrogação não foi algo eventual, mas uma deficiência que permeou todo o período, “especialmente o primeiro ano de interceptações”Ele foi seguido pelos ministros Nunes Marques, Dias Toffoli e Ricardo Lewandowski.

O ministro Alexandre de Moraes, porém, votou hoje a favor da validade das interceptações, sendo seguido por Luiz Edson Fachin, Rosa Weber, Cármen Lúcia, André Mendonça e Luiz Fux. “Tudo foi feito dentro dos limites legais e foram fundamentais não só para o recebimento da denúncia, foi uma investigação bem-feita”, rebateu Alexandre.

O plenário ainda precisa se manifestar sobre a repercussão geral do caso, que pode afetar outras 96 investigações que estão suspensas.

Mais Lidas

1

O que esperar de Trump após o atentado?

Visualizar notícia
2

A reação "imbecil" de Janones ao atentado a Trump

Visualizar notícia
3

Fafá de Belém faz show em cadeira de rodas em Portugal

Visualizar notícia
4

Trump escapou por um triz

Visualizar notícia
5

Bolsonaro relativizou "tráfico de influência" em reunião sobre blindar Flávio

Visualizar notícia
6

Trump escolhe vice pró-Putin

Visualizar notícia
7

J.D. Vance, novo vice de Trump, já o chamou de analgésico

Visualizar notícia
8

Ramagem sobre gravação: "Havia conhecimento de Bolsonaro"

Visualizar notícia
9

Paes amarra apoio do PT mesmo sem garantia de vice na chapa

Visualizar notícia
10

Serviço secreto falhou na proteção de Trump?

Visualizar notícia

Tags relacionadas

interceptações STF
< Notícia Anterior

União lulista

17.03.2022 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

PGR defende audiência de conciliação entre Eduardo Bolsonaro e Bozzella

17.03.2022 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Gabriela Coelho

É jornalista formada pelo UniCEUB, em Brasília. Tem especialização em gestão de crise e redes sociais. Passou pelas redações do Jornal de Brasília, Globo, Revista Consultor Jurídico e CNN Brasil. Conhece o mundo do Judiciário há alguns anos, desde quando ainda era estagiária do TSE. Gosta dessa adrenalina jurídica entre pedidos e decisões. Brasiliense, cobriu as eleições nacionais de 2010, 2014 e 2018 e municipais de 2012 e 2020.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Carreira Nobre: Concurso Corpo de Bombeiros MG 2024

Carreira Nobre: Concurso Corpo de Bombeiros MG 2024

16.07.2024 06:34 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Bolsonaro relativizou "tráfico de influência" em reunião sobre blindar Flávio

Bolsonaro relativizou "tráfico de influência" em reunião sobre blindar Flávio

15.07.2024 22:06 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Ramagem sobre gravação: "Havia conhecimento de Bolsonaro"

Ramagem sobre gravação: "Havia conhecimento de Bolsonaro"

15.07.2024 21:35 5 minutos de leitura
Visualizar notícia
Bajaj tem impressionante crescimento no mercado brasileiro em 2024

Bajaj tem impressionante crescimento no mercado brasileiro em 2024

15.07.2024 20:37 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.