Será o fim da era Marcola no PCC? Será o fim da era Marcola no PCC?
O Antagonista

Será o fim da era Marcola no PCC?

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 02.04.2024 08:39 comentários
Brasil

Será o fim da era Marcola no PCC?

O promotor Lincoln Gakiya afirmou ao 'Metrópoles' que essa é a primeira ameaça real a Marcola desde que ele assumiu o controle da facção criminosa, em 2002

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 02.04.2024 08:39 comentários 0
Será o fim da era Marcola no PCC?
Foto: Adriano Machado

O promotor de Justiça Lincoln Gakiya, do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público de São Paulo, acredita que o racha na cúpula do Primeiro Comando da Capital (PCC) pode ser o fim da era de Marco Willians Herbas Camacho, o Marcola, à frente da facção criminosa.

Para Gakiya, que investiga o PCC há duas décadas, essa é a primeira ameaça real a Marcola desde que ele assumiu o controle da facção, em 2002.

“Na prática, o PCC rachou e, desta forma [ameaça seu líder], isso nunca aconteceu desde que Marcola tomou o poder, lá em 2002”, afirmou o promotor em entrevista ao Metrópoles.

“O PCC nunca mais será o mesmo depois desse racha”, acrescentou.

O racha no PCC

O MP-SP apura um suposto racha entre as lideranças do Primeiro Comando da Capital. Segundo informações interceptadas pelo Gaeco, membros da cúpula do PCC comunicaram, em fevereiro, a expulsão de três integrantes de alto escalão da organização: Roberto Soriano, o Tiriça, Abel Pacheco de Andrade, o Vida Loka, e Wanderson Nilton de Paula Lima, o Andinho.

“Esses caras [Tiriça, Abel Vida Loka e Andinho] ajudaram a fazer o PCC crescer, com eles todos na liderança. É gente do topo da pirâmide, parceiros muito próximos que, agora, são inimigos”, disse Gakiya.

Tiriça, que era o número dois na hierarquia do PCC, ficou insatisfeito com uma conversa gravada entre Marcola policiais penais da Penitenciária Federal de Porto Velho, na qual o chefe da facção criminosa paulista atribuiu ao comparsa a responsabilidade por atentados contra agentes públicos.

O áudio foi utilizado na condenação de Tiriça a 31 anos e seis meses de prisão pelo assassinato da psicóloga Melissa de Almeida Araújo, da Penitenciária Federal de Catanduvas (PR), em maio de 2017.

Após obterem acesso à gravação, Tiriça, Vida Loka e Andinho passaram a ver Marcola como delator.

Primeiro Comando Puro

Os rivais de Marcola articulam a criação do Primeiro Comando Puro, uma nova facção criminosa em São Paulo que pode se aliar ao Comando Vermelho (CV) do Rio de Janeiro para fazer frente ao PCC e quebrar a hegemonia do grupo de Marcola no tráfico internacional de drogas.

A nova facção criminosa poderá ser uma espécie de Terceiro Comando Puro (TCP), dissidência do CV aliada ao PCC no estado fluminense.

Economia

Quanto custará a PEC que turbina salários de juízes

23.04.2024 14:14 2 minutos de leitura
Visualizar

Santos triplica números de sócios torcedores em ano de Série B

Visualizar

Homem é decapitado em hospital público de Fortaleza

Visualizar

Crusoé: Na cabeça de Lula, Brasil é polo de resistência contra "extrema-direita"

Visualizar

Onde assistir Lazio x Juventus: confira detalhes da partida

Visualizar

Ex-funcionário ataca hospital e mata colega brutalmente em Fortaleza

Visualizar

< Notícia Anterior

UFPR revoga títulos "honoris causa" de militares

02.04.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Alemanha redesenha número "4" em camisas para evitar controvérsia nazista

02.04.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Homem é decapitado em hospital público de Fortaleza

Homem é decapitado em hospital público de Fortaleza

23.04.2024 13:35 4 minutos de leitura
Visualizar notícia
Crusoé: Na cabeça de Lula, Brasil é polo de resistência contra "extrema-direita"

Crusoé: Na cabeça de Lula, Brasil é polo de resistência contra "extrema-direita"

23.04.2024 13:32 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Ex-funcionário ataca hospital e mata colega brutalmente em Fortaleza

Ex-funcionário ataca hospital e mata colega brutalmente em Fortaleza

23.04.2024 13:28 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Crusoé: Como presidente, Lula já passou 545 dias no exterior

Crusoé: Como presidente, Lula já passou 545 dias no exterior

23.04.2024 13:27 1 minuto de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.