Saiba como a revisão do FGTS pode aumentar seu saldo, entenda agora Saiba como a revisão do FGTS pode aumentar seu saldo, entenda agora
O Antagonista

Saiba como a revisão do FGTS pode aumentar seu saldo, entenda agora

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 15.04.2024 10:00 comentários
Brasil

Saiba como a revisão do FGTS pode aumentar seu saldo, entenda agora

Entenda a revisão do FGTS e como ela pode afetar seu bolso.

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 15.04.2024 10:00 comentários 0
Saiba como a revisão do FGTS pode aumentar seu saldo, entenda agora
Imagem: reprodução

O Fundo de Garantia por Tempo de Serviço, mais conhecido pela sigla FGTS, é uma das formas de proteção ao trabalhador brasileiro mais discutidas atualmente.

Com uma história que remonta a 1966, a sua atualização monetária, realizada através da Taxa Referencial (TR), vem sendo motivo de controvérsia por supostamente diluir o poder de compra do trabalhador ao longo do tempo.

A controvérsia em torno da taxa referencial

A Taxa Referencial (TR) tem sido o método utilizado para atualizar os valores depositados no FGTS, entretanto, muitos argumentam que esta fórmula tem provocado uma erosão no valor real dos fundos acumulados pelos trabalhadores, principalmente considerando períodos de alta inflação.

Em resposta, a Advocacia-Geral da União (AGU) propôs recentemente uma revisão que possa refletir de maneira mais precisa a valorização do dinheiro ao longo do tempo.

Esta proposta, direcionada ao Supremo Tribunal Federal (STF), sugere a substituição da TR pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), um índice de inflação mais abrangente.

Impacto potencial da mudança proposta pela AGU

A substituição da TR pelo IPCA para a correção do FGTS poderia significar uma valorização mais justa dos saldos dos trabalhadores.

A AGU defende que, mesmo mantendo a estrutura de cálculo atual—que inclui juros de 3% ao ano mais a distribuição de lucros—, a mudança poderia garantir que os valores corrigidos pelo FGTS não percam para a inflação.

Desta maneira, espera-se que a proposta, caso aceita pelo STF, coloque um ponto final nas perdas financeiras enfrentadas por quem depende desses recursos em momentos críticos.

A discussão sobre a correção do FGTS não é recente. Iniciado em 2014 pelo partido político Solidariedade, o questionamento jurídico acerca do uso da TR chegou ao Supremo Tribunal Federal (STF), com um julgamento importante programado para ocorrer.

Essa movimentação legal busca não apenas adaptar a correção monetária dos fundos para uma base mais justa mas também retroagir seus efeitos para beneficiar trabalhadores com saldo no FGTS desde 1999.

Quem se beneficia com a revisão

Se a revisão for aprovada, estima-se que cerca de 70 milhões de trabalhadores poderiam ser beneficiados, incluindo tanto contas ativas quanto inativas.

Com base em simulações, prevê-se que os ganhos decorrentes dessa revisão podem ser significativos, com variações de acordo com o período de acumulação e os saldos nas contas do FGTS.

Em resumo, a potencial revisão da correção do FGTS pelo STF representa uma oportunidade significativa de reajuste financeiro para milhões de trabalhadores, que poderiam ver o valor de seus fundos sendo corrigidos de forma mais justa e alinhada com a realidade econômica do país.

Aguardamos os próximos capítulos dessa importante discussão que, certamente, afetará a vida financeira de uma grande parcela da população brasileira.

Brasil

Brasil ultrapassa 3 mil mortes por dengue em 2024

24.05.2024 20:44 3 minutos de leitura
Visualizar

Lula é hipócrita até em condolência

Visualizar

Interior paulista tem tempestade de poeira

Visualizar

Lady Gaga revela que se apresentou com Covid em turnê de 2022

Visualizar

Cruzeiro anuncia retorno de Adilson Batista como treinador

Visualizar

J. Teixeira na Crusoé: As falsidades da conversa sobre fake news

Visualizar

Tags relacionadas

FGTS
< Notícia Anterior

Alerta em Rio Preto: Noite de violência deixa jovem morto e outro ferido

15.04.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Brasileiros no Líbano recebem orientações para evitar Região Sul

15.04.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Brasil ultrapassa 3 mil mortes por dengue em 2024

Brasil ultrapassa 3 mil mortes por dengue em 2024

24.05.2024 20:44 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Interior paulista tem tempestade de poeira

Interior paulista tem tempestade de poeira

24.05.2024 20:40 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
J. Teixeira na Crusoé: As falsidades da conversa sobre fake news

J. Teixeira na Crusoé: As falsidades da conversa sobre fake news

24.05.2024 20:28 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Frente fria avança no Brasil e promete forte queda nas temperaturas

Frente fria avança no Brasil e promete forte queda nas temperaturas

24.05.2024 20:07 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.