O Antagonista

Ramagem diz que foi intimado a depor à PF

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 31.01.2024 19:32 comentários
Brasil

Ramagem diz que foi intimado a depor à PF

Agentes da Polícia Federal cumpriram mandados de busca e apreensão contra Ramagem no âmbito de investigações do caso da Abin paralela

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 31.01.2024 19:32 comentários 0
Ramagem diz que foi intimado a depor à PF
Proposições Remanescentes do Dia Anterior. Dep. Delegado Ramagem (PL - RJ)

O deputado federal e ex-diretor da Abin no governo Bolsonaro, Alexandre Ramagem (PL-RJ; foto), afirmou nesta quarta-feira, 31 de janeiro, que foi intimado a depor à Polícia Federal (PF) no âmbito das investigações sobre a Abin paralela.

O depoimento está marcado para final de fevereiro, segundo o deputado.

“Fui finalmente intimado para o final de fevereiro. No mandado de busca eu não tive intimação, eu perguntei. Até [falei]: vamos ao interrogatório. ‘Não, não tem intimação, vai ser posterior’. Diferente do que a imprensa noticiou. Só fui intimado agora”, disse a jornalistas nesta quarta.

Operação contra Ramagem

Agentes da Polícia Federal cumpriram 21 mandados de busca e apreensão no âmbito de investigações do caso da Abin paralela em 25 de janeiro. Dentre os alvos, estava Ramagem.

Como noticiou O Antagonista quando a espionagem ilegal foi revelada, em março, a Abin na gestão Bolsonaro usou de ferramentas de geolocalização em dispositivos móveis, como celulares e tablets, sem a devida autorização judicial e sem o conhecimento dos alvos.

As buscas desta quinta estão sendo conduzidas tanto no gabinete de Ramagem quanto em seu apartamento funcional na Câmara dos Deputados, segundo a Globo News.

Até o momento, os nomes dos demais envolvidos não foram divulgados.

Dos 21 mandados de busca e apreensão desta quinta, 18 são em Brasília, um na cidade do Rio de Janeiro e dois no estado de Minas Gerais (Juiz de Fora e São João del Rei).

Além das buscas, a Polícia Federal está adotando medidas alternativas à prisão, incluindo a suspensão imediata de sete policiais federais supostamente envolvidos no monitoramento ilegal.

Primeira Milha

Essa operação, denominada ”Vigilância Aproximada”, é um desdobramento da operação ”Primeira Milha”, que teve início em outubro com o objetivo de investigar o suposto uso criminoso da ferramenta de espionagem por geolocalização, chamada ”FirstMile”.

As investigações da Polícia Federal apontaram que o software adquirido pelo governo utilizava dados de GPS para monitorar ilegalmente a localização de celulares de servidores públicos, políticos, policiais, advogados, jornalistas e até mesmo juízes.

Segundo a gestão da Abin do governo Lula, o programa foi adquirido no final do governo Temer, poucos dias antes da posse de Jair Bolsonaro, e foi utilizado até parte do terceiro ano de seu mandato.

Brasil

Roteiro Antagonista: Lula do Caribe

26.02.2024 05:59 4 minutos de leitura
Visualizar

INSS: cobranças abusivas em consignados, CGU revela falhas no controle de juros

Visualizar

Revisão da Vida Toda: STF avança em análise para aposentadorias

Visualizar

Jogando bem, Corinthians perde para Ponte Preta e se complica

Visualizar

Cromossomo Y Está desaparecendo

Visualizar

Conheça a última área a ser mapeada nos EUA por ser inacessível

Visualizar

Tags relacionadas

Alexandre Ramagem PF
< Notícia Anterior

SPED Fiscal: obrigações, vantagens e como evitar multas

31.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Secretária de Educação do RJ é assaltada em Duque de Caxias

31.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Roteiro Antagonista: Lula do Caribe

Roteiro Antagonista: Lula do Caribe

26.02.2024 05:59 4 minutos de leitura
Visualizar notícia
INSS: cobranças abusivas em consignados, CGU revela falhas no controle de juros

INSS: cobranças abusivas em consignados, CGU revela falhas no controle de juros

26.02.2024 05:30 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Revisão da Vida Toda: STF avança em análise para aposentadorias

Revisão da Vida Toda: STF avança em análise para aposentadorias

26.02.2024 05:00 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Casa Tody: loja de calçados fecha após 70 anos na Avenida Paulista

Casa Tody: loja de calçados fecha após 70 anos na Avenida Paulista

25.02.2024 21:00 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.