Racionamento de água em Porto Alegre Racionamento de água em Porto Alegre
O Antagonista

Racionamento de água em Porto Alegre

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 06.05.2024 15:12 comentários
Brasil

Racionamento de água em Porto Alegre

A água distribuída pelo Departamento Municipal de Água e Esgotos (Dmae) deverá ser destinada exclusivamente ao consumo essencial

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 06.05.2024 15:12 comentários 1
Racionamento de água em Porto Alegre
Foto: Gustavo Mansur/ Palácio Piratini

A prefeitura de Porto Alegre anunciou medidas emergenciais para enfrentar a crise hídrica que assola a cidade devido às enchentes. Em uma edição extra do Diário Oficial de Porto Alegre (Dopa), publicada nesta segunda-feira, 6, foi divulgado um decreto que determina o racionamento de água e restringe o seu uso enquanto o serviço não for regularizado.

Segundo o decreto, a água distribuída pelo Departamento Municipal de Água e Esgotos (Dmae) deverá ser destinada exclusivamente ao consumo essencial. Atividades como lavagens automotivas, limpeza de calçadas e fachadas, rega de jardins e gramados, bem como o uso em salões de beleza, clínicas estéticas, academias e banho e tosa de animais devem ser evitadas para preservar o recurso.

O prefeito Sebastião Melo destacou a gravidade da situação e enfatizou a necessidade da colaboração de todos os cidadãos. “Estamos vivendo um desastre natural sem precedentes em Porto Alegre e no Rio Grande, e todos precisam contribuir. O desabastecimento é real e vai levar tempo até ser retomado com regularidade. Estamos buscando alternativas em diferentes frentes, mas a consciência de cada cidadão é decisiva para não piorar o cenário“, afirmou o prefeito.

As medidas anunciadas terão validade até que seja restabelecido o abastecimento regular de água na cidade. A prefeitura está empenhada em encontrar soluções para a crise hídrica e conta com a compreensão e colaboração da população nesse momento difícil.

Alerta vermelho para tempestades

Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um alerta vermelho nesta segunda-feira, 6, para a previsão de tempestades em áreas do Rio Grande do Sul. O estado tem enfrentado fortes temporais desde a semana passada, e o aviso de grande perigo é válido até terça-feira, 7.

Segundo o comunicado do Inmet, há a previsão de um volume total de chuva que pode superar os 100 milímetros em 24 horas, acompanhado por ventos acima de 100 km/h e queda de granizo. Além disso, existe um grande risco de danos em edificações, corte de energia elétrica, estragos em plantações, queda de árvores, alagamentos e transtornos no transporte rodoviário.

O alerta abrange os municípios de Arroio Grande, Chuí, Herval, Jaguarão, Pedras Altas, Rio Grande e Santa Vitória do Palmar. É importante que os moradores dessas regiões estejam atentos e tomem as precauções necessárias para garantir sua segurança.

Calamidade no Rio Grande do Sul

As fortes chuvas que atingem o Rio Grande do Sul deixaram 83 mortos confirmados até o momento, conforme boletim divulgado pela Defesa Civil no início da tarde desta segunda-feira, 6. Além disso, há 111 pessoas desaparecidas e 291 feridos.

Até o momento, o governo do estado registrou 364 municípios afetados, 129.279 desalojados e 20.070 pessoas em abrigos.

Ao menos quatro óbitos estão em investigação.

Mundo

Crusoé: O recado do Papa para os bispos conservadores americanos

20.05.2024 13:22 2 minutos de leitura
Visualizar

Salman Rushdie: Estado palestino governado pelo Hamas seria 'como o Talibã'

Visualizar

Onde assistir São Paulo x Flamengo: confira detalhes do Campeonato Feminino

Visualizar

200 placas de bronze são furtadas de cemitério em Paiçandu, Paraná

Visualizar

Exército recua e reduz acesso de PMs a armas de uso restrito

Visualizar

Apple é forçada a reduzir preços na China para confrontar Huawei

Visualizar

Tags relacionadas

abastecimento de água Chuvas no Rio Grande do Sul estado de calamidade Porto Alegre racionamento
< Notícia Anterior

Pacheco cria comissão para propor medidas contra crise no RS

06.05.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Renato Gaúcho é resgatado em enchente devastadora em Porto Alegre

06.05.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (1)

Marcelo Augusto Monteiro Ferraz

2024-05-06 17:20:32

Força, Rio Grande do Sul! Força, Porto Alegre!


Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

200 placas de bronze são furtadas de cemitério em Paiçandu, Paraná

200 placas de bronze são furtadas de cemitério em Paiçandu, Paraná

20.05.2024 13:14 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Exército recua e reduz acesso de PMs a armas de uso restrito

Exército recua e reduz acesso de PMs a armas de uso restrito

20.05.2024 13:05 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Mais de 920 pessoas deixam suas casas após chuvas em SC

Mais de 920 pessoas deixam suas casas após chuvas em SC

20.05.2024 12:18 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Capotamento na Dutra revela carga de maconha e motorista foge do hospital

Capotamento na Dutra revela carga de maconha e motorista foge do hospital

20.05.2024 12:09 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.