Quarta morte é registrada no Acre devido às enchentes Quarta morte é registrada no Acre devido às enchentes
O Antagonista

Quarta morte é registrada no Acre devido às enchentes

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 29.02.2024 13:50 comentários
Brasil

Quarta morte é registrada no Acre devido às enchentes

No município de Brasiléia, distante 230 km da capital Rio Branco – Acre, o jovem Jorge Lima da Silva Júnior, de apenas 29 anos

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 29.02.2024 13:50 comentários 0
Quarta morte é registrada no Acre devido às enchentes
Fonte: Asscom/Prefeitura de Brasiléia

No município de Brasiléia, distante 230 km da capital Rio Branco – Acre, o jovem Jorge Lima da Silva Júnior, de apenas 29 anos, foi vítima fatal de um acidente na noite de quarta-feira (28). Silva Júnior estava abrindo caminho em uma área de mata quando foi atingido na cabeça por um galho de árvore no seringal de Porongaba, localizado a cerca de 42 km da BR-317. Devido à gravidade do impacto, ele morreu no local. O trágico acontecimento ocorreu em meio à maior enchente já registrada na história da cidade, aumentando o número de mortes decorrentes das cheias no estado para quatro.

Dificuldades para o resgate do corpo

O delegado da Polícia Civil de Brasiléia, Erik Maciel, falou sobre os desafios que a equipe de resgate enfrentou para recuperar o corpo de Silva Júnior. Primeiramente, os agentes tiveram que percorrer cerca de 5 km a pé até o local do acidente. Após comprovar que se tratava de um acidente e realizar a remoção do corpo, a equipe só conseguiu regressar por volta das 4h da manhã.

O rio Acre, severamente afetado pela enchente, fez com que o transporte do corpo para Rio Branco fosse realizado com a assistência do Corpo de Bombeiros. Foi necessário realizar o traslado fluvial do corpo até o município de Epitaciolândia para, posteriormente, ser transportado até a capital.

Demais mortes causadas pelas enchentes

Além de Silva Júnior, houve outras três mortes em decorrência das cheias no estado. Elias Lima, 30 anos, foi a primeira vítima fatal. Após mergulhar no igarapé São Francisco, região do bairro Conquista em Rio Branco, ele desapareceu e seu corpo foi encontrado três dias depois.

José Ribamar foi outra vítima das enchentes. Ele conseguiu salvar sua esposa e uma das filhas, mas ao retornar ao rio Caeté para resgatar a outra filha, Rafaela Feitosa de 9 anos, ambos foram levados pelas águas e tiveram seus corpos resgatados apenas dias depois, pelos bombeiros nos rios Purus e Iaco, em Sena Madureira.

Essas tragédias ressaltam os riscos e dificuldades enfrentados pela população em meio à maior enchente já registrada na região. A solidariedade e a ajuda tornam-se indispensáveis nestes momentos trágicos enquanto as autoridades tomam as medidas necessárias para combater os efeitos deste desastre natural.

Mundo

UE eleva sanções ao Irã por ataques a Israel

22.04.2024 14:10 4 minutos de leitura
Visualizar

Lewandowski quer mais poder da União na segurança pública

Wesley Oliveira Visualizar

Onde assistir Farense x Benfica: confira detalhes da partida

Visualizar

Crusoé: Primeiro dia de julgamento de Donald Trump começa com depoimentos

Visualizar

Atos em Columbia: uivo contra a civilização e atração pela barbárie

Visualizar

Brasil vai passar por nova onda de calor

Visualizar

Tags relacionadas

Acre enchente mortes
< Notícia Anterior

Canadá reverte isenção de vistos para Mexicanos

29.02.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Fluminense precisa superar "trauma" LDU para ser campeão da Recopa

29.02.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Lewandowski quer mais poder da União na segurança pública

Lewandowski quer mais poder da União na segurança pública

Wesley Oliveira
22.04.2024 14:06 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Brasil vai passar por nova onda de calor

Brasil vai passar por nova onda de calor

22.04.2024 13:47 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Polícia Federal desarticula rede de tráfico no Porto de Paranaguá

Polícia Federal desarticula rede de tráfico no Porto de Paranaguá

22.04.2024 13:47 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Onde assistir Milan x Inter de Milão: confira detalhes da partida

Onde assistir Milan x Inter de Milão: confira detalhes da partida

22.04.2024 13:30 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.