O Antagonista

Quadrilha de tráfico e arrastões é desmantelada em Iranduba após denúncia anônima

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 03.02.2024 17:46 comentários
Brasil

Quadrilha de tráfico e arrastões é desmantelada em Iranduba após denúncia anônima

Cinco pessoas são presas em Iranduba, Amazonas, acusadas de tráfico de drogas e arrastões.

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 03.02.2024 17:46 comentários 1
Quadrilha de tráfico e arrastões é desmantelada em Iranduba após denúncia anônima
Fonte: Divulgação/PM

Quatro homens e uma mulher foram detidos e um menor foi apreendido, na passada sexta-feira (2), sob a suspeita de fazerem parte de um grupo criminoso envolvido em arrastões e tráfico de drogas na cidade de Iranduba, no interior do Amazonas.

Após denúncia a Polícia consegue desmontar o bando

Segundo informações das autoridades policiais, a operação que resultou na detenção do grupo começou poós receberem uma denúncia anônima. A chamada denunciava que havia vários homens ameaçando os residentes com armas de fogo e vendendo drogas na Rua Rizonildo Almeida.

Diante dessas informações, dispositivos policiais foram deslocados para o local e conseguiram fazer um cerco aos suspeitos, que correram para se abrigar em uma quitinete próxima.

Apreendidos materiais ilícitos

Já no interior do imóvel, a polícia encontrou várias evidências que identificavam a atividade ilícita dos detidos. Entre os itens encontrados estavam drogas, munições, uma balança de precisão, diversos telefones e até mesmo uma motocicleta que havia sido reportada como roubada.

Após a detenção e encaminhamento à delegacia local, foi confirmado que o grupo também estava envolvido em arrastões na cidade.

Crimes imputados aos detidos

Os suspeitos foram presos e deverão responder por uma série de delitos que incluem tráfico e associação para o tráfico de drogas, posse ilegal de arma de fogo de uso restrito, receptação, roubo, corrupção de menores e associação criminosa.

Os detidos deverão passar por audiência de custódia neste sábado (3).

Brasil

Corpo de policial militar que desapareceu durante pescaria é encontrado em Goiás

05.03.2024 08:26 2 minutos de leitura
Visualizar

Suspeito de integrar facção criminosa é preso em Paraíba do Sul

Visualizar

Cuca a Gleisi: “Conhece bem os efeitos de uma descondenação”

Visualizar

Novas oportunidades de Concursos Públicos: Vagas em diversas funções com salários atrativos

Visualizar

Haddad tentará "explicar" reonerações a deputados, de novo

Visualizar

Declaração anual do MEI: entenda qual o efeito no seu Imposto de Renda 2024

Visualizar

Tags relacionadas

quadrilha tráfico de drogas
< Notícia Anterior

Jordânia participou da retaliação dos EUA no Iraque

03.02.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Latitude#63: líder mais popular da América Latina busca reeleição

03.02.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (1)

AEC

2024-02-03 17:56:21

Vamos ver se o Lewan não vai achar que esse crime não merece ser punido!


Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Corpo de policial militar que desapareceu durante pescaria é encontrado em Goiás

Corpo de policial militar que desapareceu durante pescaria é encontrado em Goiás

05.03.2024 08:26 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Suspeito de integrar facção criminosa é preso em Paraíba do Sul

Suspeito de integrar facção criminosa é preso em Paraíba do Sul

05.03.2024 08:18 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Cuca a Gleisi: “Conhece bem os efeitos de uma descondenação”

Cuca a Gleisi: “Conhece bem os efeitos de uma descondenação”

05.03.2024 08:09 4 minutos de leitura
Visualizar notícia
Novas oportunidades de Concursos Públicos: Vagas em diversas funções com salários atrativos

Novas oportunidades de Concursos Públicos: Vagas em diversas funções com salários atrativos

05.03.2024 08:07 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.