PGR não vê ilegalidade na nomeação de Ana Estela Haddad PGR não vê ilegalidade na nomeação de Ana Estela Haddad
O Antagonista

PGR não vê ilegalidade na nomeação de Ana Estela Haddad

avatar
José Brito
2 minutos de leitura 31.05.2023 21:39 comentários
Brasil

PGR não vê ilegalidade na nomeação de Ana Estela Haddad

A Procuradoria Geral da República (PGR) arquivou o processo instaurado pelo deputado federal Paulo Bilynskyj (PL-SP), que denunciou por crime de responsabilidade o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, alegando que houve nepotismo na nomeação de sua esposa, Ana Estela Haddad, para um cargo no Ministério da Saúde...

avatar
José Brito
2 minutos de leitura 31.05.2023 21:39 comentários 0
PGR não vê ilegalidade na nomeação de Ana Estela Haddad
Divulgação

A PGR arquivou um processo instaurado pelo deputado federal Paulo Bilynskyj (PL) contra o ministro da Fazenda, Fernando Haddad (PT), por crime de responsabilidade.

O parlamentar o acusou de nepotismo na nomeação de sua esposa, Ana Estela Haddad, para um cargo no Ministério da Saúde.

Essa é mais uma decisão da PGR em favor do governo Lula. O procurador-geral da República, Augusto Aras, articula recondução no biênio 2023-2025 e tenta se descolar da imagem de bolsonarista.

Segundo o documento, ao qual O Antagonista teve acesso, a justificativa dada pela Vice-Procuradora Geral da República, Lindôra Maria Araujo, é a de que o cargo de Ana Estela não é no ministério de Haddad.

“Ocorre que, ao interpretar a referida súmula vinculante, o Supremo Tribunal Federal passou a entender que para a caracterização do nepotismo é necessária a demonstração de subordinação hierárquica ou projeção funcional entre a autoridade nomeante e o servidor nomeado”, diz Lindôra.

“No caso em análise, está claro que a senhora Ana Estela Haddad exerceria cargo em comissão em órgão diverso (Ministério da Saúde) daquele comandado por seu cônjuge, o representado Fernando Haddad (Ministério da Fazenda), o que impossibilita qualquer subordinação hierárquica ou poder de influência”, acrescenta.

Ana Estela, que já atuou por cinco anos na pasta, voltou ao ministério, no final de janeiro, para comandar a área de telessaúde e informática no SUS. Ela teve a nomeação assinada pelo ministro da Casa Civil, Rui Costa (PT) – outro denunciado por Bilynskyj.

Brasil

Operação prende suspeitos de assalto ao Aeroporto de Caxias do Sul

22.06.2024 22:23 2 minutos de leitura
Visualizar

Vídeos: Explosão de Caminhão-Tanque na Vila Isabel

Visualizar

Previsão do Tempo no Rio Grande do Sul para domingo e segunda

Visualizar

Bebê quase morre após ficar trancado dentro de um Tesla

Visualizar

Incrível descoberta de fóssil de 'crocodilo do apocalipse' em SP

Visualizar

Missão Svom: China e França lançam satélite para estudar a formação do universo

Visualizar

Tags relacionadas

Ana Estela Haddad Fernando Haddad PGR
< Notícia Anterior

Governo é lento para entregar cargos, diz Zeca Dirceu

31.05.2023 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

STF autoriza julgamento de recurso de Lira contra denúncia por corrupção passiva

31.05.2023 00:00 4 minutos de leitura
avatar

José Brito

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Operação prende suspeitos de assalto ao Aeroporto de Caxias do Sul

Operação prende suspeitos de assalto ao Aeroporto de Caxias do Sul

22.06.2024 22:23 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Vídeos: Explosão de Caminhão-Tanque na Vila Isabel

Vídeos: Explosão de Caminhão-Tanque na Vila Isabel

22.06.2024 21:34 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Previsão do Tempo no Rio Grande do Sul para domingo e segunda

Previsão do Tempo no Rio Grande do Sul para domingo e segunda

22.06.2024 21:01 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Incrível descoberta de fóssil de 'crocodilo do apocalipse' em SP

Incrível descoberta de fóssil de 'crocodilo do apocalipse' em SP

22.06.2024 20:14 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.