Ouvidoria solicita uso de câmeras corporais em operações Escudo Ouvidoria solicita uso de câmeras corporais em operações Escudo
O Antagonista

Ouvidoria solicita uso de câmeras corporais em operações Escudo

avatar
Redação O Antagonista
4 minutos de leitura 26.01.2024 13:07 comentários
Brasil

Ouvidoria solicita uso de câmeras corporais em operações Escudo

O pedido da Ouvidoria da Polícia do Estado de São Paulo para que os policiais militares envolvidos nas operações Escudo utilizem câmeras corporais durante suas atividades foi oficializado nesta terça-feira, 23...

avatar
Redação O Antagonista
4 minutos de leitura 26.01.2024 13:07 comentários 0
Ouvidoria solicita uso de câmeras corporais em operações Escudo
Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

O pedido da Ouvidoria da Polícia do Estado de São Paulo para que os policiais militares envolvidos nas operações Escudo utilizem câmeras corporais durante suas atividades foi oficializado nesta terça-feira, 23.

O ouvidor das polícias, Claudio Castro, enviou um ofício ao governo de São Paulo e ao Ministério Público (MP) para formalizar a solicitação.

A medida foi motivada pela operação Escudo realizada na Baixada Santista no ano passado, que resultou na morte de 28 pessoas ao longo de 40 dias. A morte do soldado Patrick Bastos Reis, das Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar (Rota), também impulsionou a necessidade de maior segurança tanto para a população quanto para os próprios policiais.

Castro ressaltou, em entrevista à CNN Brasil, a importância da transparência em todas as políticas públicas e afirmou que, se a ação for realizada dentro da legalidade, não há motivo para não torná-la pública. Além disso, a utilização das câmeras corporais proporciona mais segurança jurídica aos policiais em suas atuações.

É obrigatório o uso das câmeras corporais?

As câmeras devem ser utilizadas para gravação das atividades dos policiais, com armazenamento seguro das imagens e acesso restrito. Apesar da recomendação federal, a instalação dos equipamentos não será obrigatória, cabendo a cada unidade decidir sobre a implementação do monitoramento.

A discussão sobre o uso de câmeras corporais pelos policiais foi retomada nesta semana pelo CNPCP, após uma reunião anterior não ter chegado a um consenso. No entanto, alguns estados brasileiros já adotaram essa prática, como Rio de Janeiro, Santa Catarina e São Paulo. No Distrito Federal, a Polícia Militar está em processo de licitação para aquisição dos equipamentos.

No âmbito federal, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou que iniciará testes com câmeras corporais no Rio de Janeiro na próxima semana. A intenção é que todo o efetivo utilize os equipamentos após o período de testes. Além disso, o governo está estudando a possibilidade de instalar câmeras nos uniformes da Polícia Penal Federal.

Novas operações Escudo

No último dia 18, a Polícia Militar deflagrou novas operações Escudo em Santo André, Piracicaba, Guarulhos e na zona sul de São Paulo. Essas ações foram desencadeadas após o assassinato da policial Sabrina Freire Romão Franklin, de 30 anos. Outros quatro policiais militares também foram atacados no estado entre os dias 18 e 19 de janeiro.

O secretário de Segurança Pública de São Paulo, Guilherme Derrite, afirmou em coletiva de imprensa que nenhum ataque a policial ficará impune e que as corporações estão em operação imediata após os fatos.

Suspeitos de matar PM são presos em SP

Polícia Civil prendeu dois suspeitos pela morte da policial militar Sabrina. Outros dois suspeitos chegaram a ser detidos na última sexta-feira, 19, mas foram liberados após prestar depoimento.

Como foi o crime?

O crime ocorreu por volta das 22h30 na Estrada Ecoturística de Parelheiros. A soldado Sabrina estava de folga e transitava de moto em roupas civis quando foi surpreendida por dois criminosos em outra motocicleta.

Os assaltantes anunciaram o roubo e, na tentativa de se defender, a policial acabou sendo atingida por um disparo de arma de fogo. Os criminosos fugiram rapidamente do local, levando a arma de Sabrina.

A agente foi socorrida por uma equipe policial e levada ao pronto-socorro do Hospital Parelheiros, próximo ao local do ocorrido. Infelizmente, mesmo passando por uma cirurgia, ela não resistiu aos ferimentos. A soldado era casada e não tinha filhos.

Mundo

Tempestade catastrófica em Moscou: Uma tragédia com mortes

20.06.2024 22:51 2 minutos de leitura
Visualizar

Suspeitos de roubo de Rolexa do "Dentista dos Famosos" são presos

Visualizar

Com gol nos acréscimos, Flamengo vence o Bahia e é líder do Brasileirão

Visualizar

São João em São Paulo: Guia completo para 2024

Visualizar

12 migrantes mortos são resgatados do mar pelo governo italiano

Visualizar

Cracolândia: Grades e operações policiais causam polêmicas

Visualizar

Tags relacionadas

câmeras corporais Cláudio Castro Operação Escudo Ouvidoria da Polícia São Paulo
< Notícia Anterior

PF prende tenente-coronel no Rio

26.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

RS emite alerta após confirmação de caso importado de sarampo

26.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Suspeitos de roubo de Rolexa do "Dentista dos Famosos" são presos

Suspeitos de roubo de Rolexa do "Dentista dos Famosos" são presos

20.06.2024 22:37 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
São João em São Paulo: Guia completo para 2024

São João em São Paulo: Guia completo para 2024

20.06.2024 22:00 5 minutos de leitura
Visualizar notícia
Cracolândia: Grades e operações policiais causam polêmicas

Cracolândia: Grades e operações policiais causam polêmicas

20.06.2024 21:08 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
São João no Rio de Janeiro: descubra os melhores arraiais da cidade

São João no Rio de Janeiro: descubra os melhores arraiais da cidade

20.06.2024 20:52 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.