O Antagonista

OEA expressa preocupação com eleições brasileiras

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 04.02.2022 08:30 comentários
Brasil

OEA expressa preocupação com eleições brasileiras

A Organização dos Estados Americanos (OEA) enviou ao Tribunal Superior Eleitoral um relatório no qual "expressa preocupação pelo ambiente de medo e intimidação que impede os eleitores e candidatos de se envolverem na política"...

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 04.02.2022 08:30 comentários 0
OEA expressa preocupação com eleições brasileiras
Abdias Pinheiro/ASCOM/TSE.

Organização dos Estados Americanos (OEA) enviou ao Tribunal Superior Eleitoral um relatório no qual “expressa preocupação pelo ambiente de medo e intimidação que impede os eleitores e candidatos de se envolverem na política”.

A Organização disse ainda recebeu informações sobre a presença e influência de milícias e observou com preocupação que grupos associados ao crime se envolvam no processo eleitoral em alguns locais do país. 

A manifestação foi feita em documento preparado pela Missão de Observação Eleitoral (MOE), que acompanhou as eleições municipais de 2020.

A Missão afirmou também que recebeu preocupação a respeito do clima de violência política, em geral contra pré-candidatos(as) e candidatos(as), em particular, contra mulheres e seus familiares.

“Verificou-se um aumento no discurso agressivo e discriminatório nas campanhas eleitorais, especialmente por meio do uso da violência física e digital. Entre o primeiro e o segundo turnos, e diante da falta de informações sobre violência político-eleitoral, o tribunal consolidou dados que mostraram um aumento dos delitos violentos contra candidatos e pré-candidatos nas eleições de 2020”, afirma o documento.

Esses dados, segundo o relatório, “revelam que, entre janeiro e novembro do ano eleitoral, foram registrados 99 casos de tentativa ou de homicídios consumados, além de 263 registros de ameaças e danos físicos contra candidatos”.

“Essas informações refletem a necessidade da criação de um registro que proporcione dados mais precisos“, diz o relatório.

O OEA também afirmou que o sistema tecnológico de votação oferece resultados rápidos e seguros, levando-se em conta as dimensões continentais do país.

“Uma vez mais, o TSE demonstrou sua capacidade de logística e infraestrutura tecnológica por meio da preparação e instalação de 473.503 urnas eletrônicas em 94.325 locais de votação. Isso permitiu que mais de 147 milhões de eleitores pudessem exercer o direito do voto no domingo das eleições, e eleger, dentre as 556.033 candidaturas apresentadas, os novos ocupantes dos 69.344 cargos em disputa”, afirmou o relatório.

Ainda de acordo com o relatório, no dia das eleições, a página oficial do Tribunal foi bombardeada por 486 mil ataques informáticos por segundo, que tentaram derrubar o funcionamento e impactar as eleições. Porém, essas tentativas não tiveram êxito nem afetaram os resultados das eleições.

“O TSE mostrou capacidade de resposta com o uso de instrumentos tecnológicos para enfrentar esses ataques, evitando perda da confiabilidade e da integridade do sistema de votação”.

Nesse aspecto, o grupo recomendou continuar o desenvolvimento de mecanismos de blindagem digital das plataformas e buscar métodos de recuperação imediata em caso de ataques ou saturação do sistema; e fomentar medidas de proteção para minimizar vulnerabilidades.

Clique aqui para ler o relatório.

Mais Lidas

1

O que esperar de Trump após o atentado?

Visualizar notícia
2

A reação "imbecil" de Janones ao atentado a Trump

Visualizar notícia
3

Trump escapou por um triz

Visualizar notícia
4

Bolsonaro relativizou "tráfico de influência" em reunião sobre blindar Flávio

Visualizar notícia
5

Trump escolhe vice pró-Putin

Visualizar notícia
6

Fafá de Belém faz show em cadeira de rodas em Portugal

Visualizar notícia
7

J.D. Vance, novo vice de Trump, já o chamou de analgésico

Visualizar notícia
8

Objetivo de investigações era "me atingir moralmente", diz Bolsonaro

Visualizar notícia
9

Ramagem sobre gravação: "Havia conhecimento de Bolsonaro"

Visualizar notícia
10

Paes amarra apoio do PT mesmo sem garantia de vice na chapa

Visualizar notícia

Tags relacionadas

eleições OEA STF TSE
< Notícia Anterior

Crusoé: o ‘jeitinho’ das federações

04.02.2022 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

A corrupção também não importa em Portugal

04.02.2022 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Bolsonaro relativizou "tráfico de influência" em reunião sobre blindar Flávio

Bolsonaro relativizou "tráfico de influência" em reunião sobre blindar Flávio

15.07.2024 22:06 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Ramagem sobre gravação: "Havia conhecimento de Bolsonaro"

Ramagem sobre gravação: "Havia conhecimento de Bolsonaro"

15.07.2024 21:35 5 minutos de leitura
Visualizar notícia
Bajaj tem impressionante crescimento no mercado brasileiro em 2024

Bajaj tem impressionante crescimento no mercado brasileiro em 2024

15.07.2024 20:37 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Previsão do Tempo: Instabilidade climática na costa brasileira

Previsão do Tempo: Instabilidade climática na costa brasileira

15.07.2024 19:41 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.