O Antagonista

O quebra-cabeça de Guedes para gastar R$ 5 bi em obras

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 18.08.2020 16:05 comentários
Brasil

O quebra-cabeça de Guedes para gastar R$ 5 bi em obras

Paulo Guedes busca uma forma de cumprir uma promessa de Jair Bolsonaro e conseguir R$ 5 bilhões para investimentos em obras do Ministério da Infraestrutura e do Desenvolvimento Regional...

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 18.08.2020 16:05 comentários 0
O quebra-cabeça de Guedes para gastar R$ 5 bi em obras
Foto: Adriano Machado/CRUSOE

Paulo Guedes busca uma forma de cumprir uma promessa de Jair Bolsonaro e conseguir R$ 5 bilhões para investimentos em obras do Ministério da Infraestrutura e do Desenvolvimento Regional.

Como mostramos, Bolsonaro prometeu a liberação dos recursos durante reunião, no Palácio da Alvorada, na última quarta (12). Era uma forma de encerrar a discussão sobre o teto de gastos este ano e atender ao pleito da ala desenvolvimentista do governo, que quer mais dinheiro.

Inicialmente, Guedes avaliou preparar uma medida provisória para distribuir o recurso entre as pastas. Seriam R$ 2 bilhões para cada ministério e R$ 1 bilhão para indicações de parlamentares do Centrão.

A edição de uma medida provisória, no entanto, foi alvo de críticas de Rodrigo Maia e Bruno Dantas, do TCU. Ambos afirmaram que a abertura de crédito extra por MP deveria servir para atender a despesas imprevisíveis e urgentes.

A continuidade das obras, segundo Maia, não tem caráter extraordinário e imprevisível. A MP com recursos extras seria, portanto, inconstitucional.

O Antagonista apurou que uma das formas estudadas pela equipe econômica para conseguir o dinheiro sem furar o teto seria apresentar um projeto de lei ao Congresso.

O governo entende que há recursos que sobraram em duas medidas provisórias que poderiam abastecer as obras este ano. A MP 909 extinguiu o Fundo de Reserva Monetária do Banco Central. Havia R$ 8,6 bilhões no fundo — dinheiro que ficou sem destinação após Bolsonaro vetar o uso do crédito para o combate à pandemia.

Outra medida provisória é a 938, que previa que o governo iria recompor as perdas de arrecadação dos Fundos de Participação dos Estados e dos Municípios (FPE e FPM). Estima-se que cerca de R$ 7 bilhões da MP não foram utilizados.

Nesse segundo caso, no entanto, o Planalto avalia se o recurso pode ser utilizado, já que o crédito é extra e foi disponibilizado no Orçamento de Guerra.

Mais Lidas

1

Agora até Tolkien é "extrema-direita"

Visualizar notícia
2

Musk: "Obrigado, Alex Soros, por revelar quem será o próximo fantoche"

Visualizar notícia
3

Contingenciamento: o golpe está aí, cai quem quer

Visualizar notícia
4

O "reizinho" do governo Lula

Visualizar notícia
5

"JD Vance, não Kamala Harris, representa o sonho americano"

Visualizar notícia
6

Por que o Amapá recebe tanta emenda parlamentar?

Visualizar notícia
7

"Joe Biden desiste da candidatura, mas não da Casa Branca. E agora?"

Visualizar notícia
8

Estados Unidos de Maceió

Visualizar notícia
9

Netanyahu volta aos EUA em busca de apoio contra o terror

Visualizar notícia
10

Democratas sacrificaram Biden para buscar também a maioria no Congresso

Visualizar notícia

Tags relacionadas

Jair Bolsonaro Ministério da Infraestrutura ministério do desenvolvimento regional Paulo Guedes R$ 5 bilhões Rogério Marinho Tarcísio Freitas
< Notícia Anterior

A corrupção de Baldy passa recibo

18.08.2020 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Delator fotografou Baldy em aeroporto no dia da entrega da propina, segundo MPF

18.08.2020 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Quem vai ser o responsável pela blindagem aos diretores da EBC?

Quem vai ser o responsável pela blindagem aos diretores da EBC?

Wilson Lima
22.07.2024 13:05 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Caso Henry Borel: Jairinho contrata advogado de Adélio Bispo

Caso Henry Borel: Jairinho contrata advogado de Adélio Bispo

22.07.2024 12:33 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
O prazo de Tabata para compor com Datena e o PSDB

O prazo de Tabata para compor com Datena e o PSDB

22.07.2024 12:26 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Seguro-Desemprego: nova tabela anual em 2024

Seguro-Desemprego: nova tabela anual em 2024

22.07.2024 12:15 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.