O Antagonista

O BNDES no Equador. O pagamento de 20 milhões de dólares da Odebrecht

avatar
Redação O Antagonista
1 minuto de leitura 08.06.2015 22:09 comentários
Brasil

O BNDES no Equador. O pagamento de 20 milhões de dólares da Odebrecht

Como diz o BRIO, é conhecida a disputa entre o governo do Equador com a Odebrecht e o BNDES, por causa da construção da hidrelétrica de San Francisco, principalmente -- uma obra símbolo de falta de planejamento ambiental. O presidente Rafael Correa investiu contra a empreiteira e o banco, por causa de custos e problemas de engenharia. Expulsou do país executivos da Odebrecht e pediu uma indenização de 43 milhões de dólares...

avatar
Redação O Antagonista
1 minuto de leitura 08.06.2015 22:09 comentários 0

Como diz o BRIO, é conhecida a disputa entre o governo do Equador com a Odebrecht e o BNDES, por causa da construção da hidrelétrica de San Francisco, principalmente — uma obra símbolo de falta de planejamento ambiental. O presidente Rafael Correa investiu contra a empreiteira e o banco, por causa de custos e problemas de engenharia. Expulsou do país executivos da Odebrecht e pediu uma indenização de 43 milhões de dólares.

O que (quase) ninguém sabia é que, para escapar de uma investigação criminal, Marcelo Odebrecht pagou 20 milhões de dólares ao governo do Equador. “Ao governo equatoriano, nós gostaríamos de propor uma trégua ou a completa suspensão de todas as medidas judiciais”, diz uma carta obtida pelo BRIO.

Pagamento aceito, a Odebrecht conseguiu que o governo do Equador a isentasse e fosse à Corte Internacional de Arbitragem, em Paris, apenas contra o BNDES — que a financiou no Equador.

Mundo

Conheça a última área a ser mapeada nos EUA por ser inacessível

25.02.2024 21:45 2 minutos de leitura
Visualizar

Estudo revela que povos tradicionais possuem a mesma felicidade de países ricos

Visualizar

Tite comenta caso de Daniel Alves

Visualizar

Casa Tody: loja de calçados fecha após 70 anos na Avenida Paulista

Visualizar

Conheça as mansões de famosos como Bruno Gagliasso e Simone Mendes disponíveis para aluguel

Visualizar

O resurgimento do Lago Manly no deserto do vale da morte

Visualizar

< Notícia Anterior

O BNDES na Venezuela. A reunião entre Chávez, Lula, Dirceu e Emílio Odebrecht

08.06.2015 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

O BNDES na Bolívia. Superfaturamento, pau nos índios e Lula no jatinho da OAS

08.06.2015 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Casa Tody: loja de calçados fecha após 70 anos na Avenida Paulista

Casa Tody: loja de calçados fecha após 70 anos na Avenida Paulista

25.02.2024 21:00 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Conheça as mansões de famosos como Bruno Gagliasso e Simone Mendes disponíveis para aluguel

Conheça as mansões de famosos como Bruno Gagliasso e Simone Mendes disponíveis para aluguel

25.02.2024 20:55 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Tarcísio: “São Paulo ama vestir verde e amarelo”

Tarcísio: “São Paulo ama vestir verde e amarelo”

25.02.2024 20:18 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Deltan, Zema, Tarcísio, Malafaia; quem participou do ato de Bolsonaro

Deltan, Zema, Tarcísio, Malafaia; quem participou do ato de Bolsonaro

25.02.2024 19:57 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.