Novo secretário da Saúde defende aborto legal no SUS Novo secretário da Saúde defende aborto legal no SUS
O Antagonista

Novo secretário da Saúde defende aborto legal no SUS

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 05.01.2023 07:49 comentários
Brasil

Novo secretário da Saúde defende aborto legal no SUS

Novo secretário de Atenção Primária à Saúde, Nésio Fernandes (foto) saiu em defesa do aborto legal no SUS...

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 05.01.2023 07:49 comentários 0
Novo secretário da Saúde defende aborto legal no SUS
Foto: Divulgação/Sesa

Novo secretário de Atenção Primária à Saúde, Nésio Fernandes (foto) saiu em defesa do aborto legal no SUS. Em entrevista ao G1, o médico sanitarista afirmou que revogará documentos com posições “retrógradas” e “ultrapassadas”.

“Eu sou uma pessoa evangélica. No entanto, sei diferenciar o que é uma agenda de saúde pública e uma agenda da fé de cada um. Negar o acesso ao aborto nas condições previstas em lei é submeter essas vítimas de violência a outras violências. […] Toda e qualquer produção de nota técnica, portaria ou instrumento normativo que existir no Ministério da Saúde legitimando posições retrógradas e que não garantem direitos serão revogadas, sem dúvida alguma”, afirmou o titular da secretaria, que é vinculada ao Ministério da Saúde.

Ainda durante a entrevista Fernandes disse que elevar as coberturas vacinais no país é uma das prioridades da nova gestão. “O grau de hesitação vacinal que está presente hoje na população não tem paralelo na história recente do país. Grupos antivacina foram acolhidos pelo governo federal. Grande parte da população acabou seguindo essas teses legitimadas pela instituição, pelo Ministério da Saúde.”

Ele também falou sobre retomar o Mais Médicos com brasileiros e estrangeiros. “É possível adotar uma estratégia única de provimento de médicos unificando o Médicos pelo Brasil e o programa Mais Médicos. Vamos retomar um grande movimento para garantir médicos em todos os municípios brasileiros. […] Entre os estrangeiros, podem ser cubanos que ficaram no Brasil ou médicos de qualquer país do mundo que entrem nos critérios da legislação que permitem a participação no Mais Médicos.” 

Brasil

Léo Santana lança projeto “Léo & Elas” com participação de Simone Mendes

14.06.2024 18:15 3 minutos de leitura
Visualizar

O Mal Que Nos Habita: filme de terror argentino estreia no Streaming

Visualizar

Lá vem eles de novo: Alemanha aplica goleada na estreia da Eurocopa

Visualizar

Papo Antagonista: Os amigos do rei

Visualizar

Cachorra de Cauã Reymond tem alta médica após envenenamento, e ator comemora

Visualizar

CNBB defende PL do aborto e proibição mesmo em caso de estupro

Visualizar

Tags relacionadas

aborto bolsonaro Jair Bolsonaro Lula Mais Médicos Ministério da Saúde Nésio Fernandes Saúde Secretaria de Atenção Primária à Saúde SUS vacinação
< Notícia Anterior

Papa emérito Bento XVI recebe últimas homenagens em funeral

05.01.2023 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Tebet reforça que reforma da previdência não está no radar do governo: 'Posição de Lupi'

05.01.2023 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Léo Santana lança projeto “Léo & Elas” com participação de Simone Mendes

Léo Santana lança projeto “Léo & Elas” com participação de Simone Mendes

14.06.2024 18:15 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
O Mal Que Nos Habita: filme de terror argentino estreia no Streaming

O Mal Que Nos Habita: filme de terror argentino estreia no Streaming

14.06.2024 18:09 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Cachorra de Cauã Reymond tem alta médica após envenenamento, e ator comemora

Cachorra de Cauã Reymond tem alta médica após envenenamento, e ator comemora

14.06.2024 17:50 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
CNBB defende PL do aborto e proibição mesmo em caso de estupro

CNBB defende PL do aborto e proibição mesmo em caso de estupro

14.06.2024 17:46 4 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.