O Antagonista

Moraes anuncia grupo para monitorar “pessoas que atentam contra a democracia”

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 01.02.2024 20:50 comentários
Brasil

Moraes anuncia grupo para monitorar “pessoas que atentam contra a democracia”

Na abertura dos trabalhos da Justiça Eleitoral, o presidente do TSE defendeu a regulamentação da Inteligência Artificial antes das eleições

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 01.02.2024 20:50 comentários 10
Moraes anuncia grupo para monitorar “pessoas que atentam contra a democracia”
Foto: Jose Cruz/Agência Brasil

Ao retomar as atividades do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o presidente da Corte, Alexandre de Moraes, anunciou a criação de um grupo para monitorar “pessoas que atentam contra a democracia”. O colegiado conta com o apoio do Ministério da Justiça, agora sob a gestão Ricardo Lewandowski.

Segundo Alexandre de Moraes, o grupo terá o suporte da Polícia Federal e, para disciplinar o tema, o presidnete do TSE terá reuniões a partir de março com integrantes dos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs).

A ideia do presidente do TSE é rastrear quem espalha o que ele chamou de “discursos de ódio”. O magistrado, no entanto, não explicou que tipos de falas se encaixam nesse tipo de “discurso de ódio”.

Na abertura dos trabalhos da Justiça Eleitoral, Moraes defendeu a regulamentação da Inteligência Artificial antes das eleições.

“No momento atual da democracia, com o surgimento das novas tecnologias, com o uso de algoritmos, bem como a utilização de inteligência artificial, isso faz com que haja necessidade de uma eficaz e pronta regulamentação, que defenda a liberdade de escolha dos eleitores”, declarou Moraes.

“Faz-se necessário uma regulamentação. Não só uma regulamentação do Tribunal Superior Eleitoral, da Justiça Eleitoral, porque essa será feita, será realizada em 2024. Mas há necessidade de uma regulamentação geral, do Congresso Nacional, em defesa da democracia”, acrescentou.

O presidente do TSE também defendeu a responsabilização das chamadas Big Techs por eventuais discursos de ódio proferidos ao longo das eleições. Para o ministro, o uso malicioso das redes sociais é um instrumento de “corrosão” da democracia brasileira.

“A falta de transparência no processo decisório dos algoritmos (…), bem como a perigosa utilização de inteligência artificial durante as eleições, (…) se tornaram um grande risco durante as eleições por meio de divulgação em massa de discurso de ódio”, acrescentou.

E quanto às pessoas que praticam corrupção? Vai haver monitoramento, ou só mudança de jurisprudência, impunidade e alívio de multas bilionárias?

Esportes

Corinthians é eliminado do Paulistão após vitória da Inter de Limeira

02.03.2024 23:06 2 minutos de leitura
Visualizar

Navalny: o sopro de liberdade que desafia Putin

Catarina Rochamonte Visualizar

Confira os adversários de Grêmio e Inter nas quartas de final do Gauchão

Visualizar

Augusto Melo confirma que dívida do Corinthians com Rojas é de R$ 8 milhões

Visualizar

Casal preso por vaquinha online falsa para criança com câncer no RJ

Visualizar

Turista brasileira sofre estupro coletivo na Índia

Visualizar

Tags relacionadas

Alexandre de Moraes ataques à democracia TSE
< Notícia Anterior

Balanços do 4° trimestre 2023 da Bolsa de Valores: confira datas de divulgação

01.02.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Homem é preso por estupro de afilhada de 7 anos em Caarapó

01.02.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (10)

JOAO PEDRO TAGLIARI

2024-02-02 06:44:24

Tipo assim uma "abin paralela" , mas agora do bem né? Que fofos.


Fernando Roberto Benitez Nobrega

2024-02-02 05:50:22

Quem e como vai definir o que é risco a demogracia? Quem vai controlar o Xerifete Interpreto que estão criando uma GESTAPO!!! Defender a democracia, é proibir essa ação, é limitar o Xerifete e o STF


LAZARO MOREIRA MARTINS JUNIOR

2024-02-02 04:40:31

Alguém sabe dizer se o grupo vai monitorar o Xandão?.


Claudemir Silvestre

2024-02-02 00:43:41

Eles vão monitorar estes empresários e políticos que SAQUEARAM o Brasil e descobertos na Operação Lava Jato ??? Porque estes cretinos são aqueles que realmente atentam contra a democracia !!! BASTARDOS !!!


Claudio Arraez

2024-02-02 00:14:09

Será que vai monitorar o Tofolli, maior disseminador de ódio é impossível!! Com decisões mais esdrúxulas é impossível!! E anti-democraticas.


Amilton Becker

2024-02-01 23:21:31

Tá desesperado em achar um motivo para prender Bolsonaro, só que não acha. Vai infartar kkkk


Victor Maranhão

2024-02-01 22:59:30

Seria ele o primeiro da lista?


FRANCISCO JUNIOR

2024-02-01 22:53:38

Ele está certo. Países decentes estão regulando tanto a IA quanto a complacência das redes sociais com proliferação de conteúdo falso e/ou de ódio, Brasil tem quer ir nesse caminho.


Jurandir Santana

2024-02-01 22:25:06

Democracia relativa petista a serviço dos amigos


Gustavo Nascimento

2024-02-01 21:43:43

Monitorar pessoas.. ? Jurava q isso era inconstitucional.. rs


Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Casal preso por vaquinha online falsa para criança com câncer no RJ

Casal preso por vaquinha online falsa para criança com câncer no RJ

02.03.2024 21:41 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Influencer é preso por aplicar golpe de criptomoedas

Influencer é preso por aplicar golpe de criptomoedas

02.03.2024 21:30 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Projeto de lei quer Uber com no máximo 12 horas de trabalho

Projeto de lei quer Uber com no máximo 12 horas de trabalho

02.03.2024 21:09 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
“No escuro”, defesa de Bolsonaro reclama de constrangimento

“No escuro”, defesa de Bolsonaro reclama de constrangimento

02.03.2024 19:56 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.