MEI Caminhoneiro: transforme seu trabalho com mais benefícios MEI Caminhoneiro: transforme seu trabalho com mais benefícios
O Antagonista

MEI Caminhoneiro: transforme seu trabalho com mais benefícios

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 19.04.2024 07:30 comentários
Brasil

MEI Caminhoneiro: transforme seu trabalho com mais benefícios

MEI Caminhoneiro: novas regras e benefícios para o transportador autônomo.

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 19.04.2024 07:30 comentários 0
MEI Caminhoneiro: transforme seu trabalho com mais benefícios
Fonte: Divulgação

Desde dezembro de 2021, uma nova categoria foi estabelecida para os transportadores autônomos: o MEI Caminhoneiro.

Essa modalidade foi criada pela Lei Complementar n°188 de 2021, visando integrar esses profissionais ao sistema formal de economia, garantindo-lhes direitos previdenciários importantes.

O que mudou com a introdução do MEI Caminhoneiro?

O MEI Caminhoneiro difere significativamente do MEI tradicional, especialmente no que tange ao limite de faturamento e à contribuição mensal.

Enquanto o MEI tradicional tem um limite de faturamento de R$ 81 mil por ano, o MEI Caminhoneiro pode faturar até R$ 251,6 mil.

Além disso, a contribuição mensal também é maior, correspondendo a 12% do salário mínimo vigente.

Quais atividades são permitidas ao MEI Caminhoneiro?

Os profissionais que optam pelo MEI Caminhoneiro podem exercer diversas atividades dentro do transporte de cargas.

Essas atividades incluem o transporte intermunicipal, interestadual e internacional, o transporte de mudanças, o transporte municipal e o transporte de produtos perigosos.

O MEI Caminhoneiro e as contribuições fiscais

Além dos direitos previdenciários, o MEI Caminhoneiro deve cumprir com as obrigações fiscais.

O valor da contribuição é ajustado de acordo com o salário mínimo e inclui tributos como ISS e ICMS, variando conforme a natureza da atividade exercida e o destino das cargas.

  • Transporte Municipal: R$ 174,44
  • Fora do Município: R$ 170,44
  • Produtos perigosos: R$ 175,44
  • Mudanças: R$ 175,44

Qual a obrigatoriedade da DASN-SIMEI para o MEI Caminhoneiro?

É mandatório que o MEI Caminhoneiro entregue anualmente a Declaração Anual do Simples Nacional (DASN-SIMEI), documentação essa que reporta os ganhos do ano anterior à Receita Federal.

Essa obrigatoriedade persiste mesmo nos casos onde não ocorre faturamento.

Benefícios Adicionais para o MEI Caminhoneiro

Ao se registrar como MEI Caminhoneiro, os profissionais ganham não apenas legitimidade fiscal mas também acesso a benefícios como aposentadoria por idade ou invalidez, auxílio-doença, salário-maternidade, pensão por morte e auxílio-reclusão, fortalecendo a segurança social desses trabalhadores autônomos.

Esportes

Paulinho fica mais longe de renovar com o Corinthians

20.05.2024 13:43 2 minutos de leitura
Visualizar

Crusoé: O recado do Papa para os bispos conservadores americanos

Visualizar

Salman Rushdie: Estado palestino governado pelo Hamas seria 'como o Talibã'

Visualizar

Onde assistir São Paulo x Flamengo: confira detalhes do Campeonato Feminino

Visualizar

200 placas de bronze são furtadas de cemitério em Paiçandu, Paraná

Visualizar

Exército recua e reduz acesso de PMs a armas de uso restrito

Visualizar

Tags relacionadas

caminhoneiro Micro empreendedor individual
< Notícia Anterior

Joel Jota desiste de ser padrinho da seleção olímpica após controvérsias

19.04.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Concurso em Vera Cruz do Oeste: Vagas de R$1.6 mil a R$14.9 mil! Inscreva-se Já

19.04.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

200 placas de bronze são furtadas de cemitério em Paiçandu, Paraná

200 placas de bronze são furtadas de cemitério em Paiçandu, Paraná

20.05.2024 13:14 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Exército recua e reduz acesso de PMs a armas de uso restrito

Exército recua e reduz acesso de PMs a armas de uso restrito

20.05.2024 13:05 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Mais de 920 pessoas deixam suas casas após chuvas em SC

Mais de 920 pessoas deixam suas casas após chuvas em SC

20.05.2024 12:18 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Capotamento na Dutra revela carga de maconha e motorista foge do hospital

Capotamento na Dutra revela carga de maconha e motorista foge do hospital

20.05.2024 12:09 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.