Hartung: "Os extremos (de direita e de esquerda) não são bons"

O Antagonista recupera uma declaração de Paulo Hartung, governador do Espírito Santo, em entrevista à CBN nesta semana.

Como informamos mais cedo, Hartung foi convidado ontem à noite por lideranças do PPS para ser vice em uma eventual chapa encabeçada por Luciano Huck.

Afirmou o governador:

“Os extremos não são bons. Pessoas raivosas pensam com o fígado e não com a cuca. (…) Os extremos (de direita e de esquerda) acabam se encontrando em alguns pontos. Ambos acreditam na força do Estado e que o governo pode fazer tudo. Apresentam bravatas e soluções simples para problemas complexos. Não tem solução simples para o Brasil.”

Mais notícias

Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Caso aprovado, seu comentário será publicado em até 4 minutos.
Comentar é exclusividade para assinantes.
Assine O Antagonista+ Crusoé e acesse todos os recursos.