O Antagonista

Governador interino do Rio não se compromete a escolher mais votado para MP-RJ

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 09.11.2020 18:17 comentários
Brasil

Governador interino do Rio não se compromete a escolher mais votado para MP-RJ

Cláudio Castro, o governador interino do Rio, não se comprometeu nesta segunda (9) a nomear o mais votado no Ministério Público estadual para chefiar o órgão...

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 09.11.2020 18:17 comentários 18
Governador interino do Rio não se compromete a escolher mais votado para MP-RJ
Foto: Carlos Magno/Governo do Rio de Janeiro

Cláudio Castro, o governador interino do Rio, não se comprometeu nesta segunda (9) a nomear o mais votado no Ministério Público estadual para chefiar o órgão, registra a Folha.

“Esse debate está sendo muito antecipado. Eu só vou receber [a lista tríplice] das mãos do [procurador-geral de Justiça] Eduardo Gussem no dia 1º de janeiro. No dia 1º de janeiro a gente marca outra coletiva para falar disso”, disse Castro, durante evento no próprio MP-RJ.

Há dentro do Ministério Público fluminense o temor de que a família de Jair Bolsonaro –alvo de investigações da instituição– influencie na escolha. Castro é tido como mais simpático ao presidente que Wilson Witzel, o governador afastado, hoje ameaçado de impeachment.

No Rio, o governador pode escolher qualquer dos nomes da lista tríplice, mas nos últimos 15 anos o escolhido tem sido sempre o mais votado.

Nesta eleição, só três dos cinco postulantes à chefia do MP-RJ se comprometeram a recusar a indicação em favor do mais votado. Um dos que não o fizeram foi  o procurador Marcelo Rocha Monteiro, apoiador dos Bolsonaro e o preferido do grupo político do presidente para assumir a vaga.

Não custa lembrar que o presidente ignorou completamente a lista tríplice da categoria ao escolher Augusto Aras para o comando da PGR.

Esportes

Tite comenta caso de Daniel Alves

25.02.2024 21:19 2 minutos de leitura
Visualizar

Casa Tody: loja de calçados fecha após 70 anos na Avenida Paulista

Visualizar

Conheça as mansões de famosos como Bruno Gagliasso e Simone Mendes disponíveis para aluguel

Visualizar

O resurgimento do Lago Manly no deserto do vale da morte

Visualizar

Portas abertas para brasileiros nos EUA em 2024

Visualizar

DNA revela identidade de adolescente desaparecida em 1960

Visualizar

Tags relacionadas

Augusto Aras Cláudio Castro Eduardo Gussem família Bolsonaro Jair Bolsonaro Marcelo Rocha Monteiro Ministério Público MP-RJ PGR Rio de Janeiro Wilson Witzel
< Notícia Anterior

TRE de Alagoas tira da urna nome de vice-governador

09.11.2020 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Aras se recusa a investigar Eduardo Bolsonaro por dossiê sobre antifascistas

09.11.2020 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Casa Tody: loja de calçados fecha após 70 anos na Avenida Paulista

Casa Tody: loja de calçados fecha após 70 anos na Avenida Paulista

25.02.2024 21:00 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Conheça as mansões de famosos como Bruno Gagliasso e Simone Mendes disponíveis para aluguel

Conheça as mansões de famosos como Bruno Gagliasso e Simone Mendes disponíveis para aluguel

25.02.2024 20:55 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Tarcísio: “São Paulo ama vestir verde e amarelo”

Tarcísio: “São Paulo ama vestir verde e amarelo”

25.02.2024 20:18 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Deltan, Zema, Tarcísio, Malafaia; quem participou do ato de Bolsonaro

Deltan, Zema, Tarcísio, Malafaia; quem participou do ato de Bolsonaro

25.02.2024 19:57 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.