Declaração anual do MEI: entenda qual o efeito no seu Imposto de Renda 2024 Declaração anual do MEI: entenda qual o efeito no seu Imposto de Renda 2024
O Antagonista

Declaração anual do MEI: entenda qual o efeito no seu Imposto de Renda 2024

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 05.03.2024 08:00 comentários
Brasil

Declaração anual do MEI: entenda qual o efeito no seu Imposto de Renda 2024

Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) e Declaração Anual do MEI (DASN-SIMEI): entenda as obrigações e como elas podem se cruzar.

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 05.03.2024 08:00 comentários 0
Declaração anual do MEI: entenda qual o efeito no seu Imposto de Renda 2024
Foto: Agência Sebrae/Reprodução

 O período de entrega da declaração do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF), referente ao ano-base 2024, começa no dia 15 de março e vai até 31 de maio.

O término do prazo também marca a data limite para o envio da Declaração Anual do Microempreendedor Individual (DASN-SIMEI), que já pode ser feita desde o início do ano.

Mesmo que se tratem de obrigações distintas, a regularização antecipada da DASN-SIMEI pode facilitar o processo de declaração do IRPF do empreendedor, quando for o caso, e evitar futuras penalidades.

Qual a importância de antecipar a DASN-SIMEI?

De acordo com Kályta Caetano, head de Contabilidade da plataforma de gestão MaisMei, em entrevista ao portal Terra, afirma fazer a DASN-SIMEI antecipadamente traz vantagens como maior organização financeira e preparação para a declaração de IRPF.

“Ao enviar a DASN com antecedência, o MEI tem tempo suficiente para organizar e revisar os dados financeiros da empresa, o que facilita a elaboração da declaração de IRPF, pois os dados já estarão organizados e prontos para serem utilizados”, afirma.

O cálculo dos rendimentos isentos e tributáveis

Kályta Caetano ressalta que uma parte dos rendimentos da empresa do MEI é isenta de impostos, e a outra, não.

O envio antecipado da DASN permite ao microempreendedor calcular o lucro evidenciado, que é o que sobra para os gastos pessoais após o pagamento das despesas empresariais.

Baseando-se na receita bruta declarada na DASN e subtraindo todas as despesas da empresa, é possível calcular os rendimentos isentos, encontrar o valor da parcela tributável e, finalmente, verificar se o rendimento atingiu o mínimo tributável de R$ 28.559,70 no ano-calendário, o que determinará a necessidade de declaração de IRPF.

A declaração do MEI é obrigatória

Independente da necessidade de declarar ou não o IRPF, a declaração do MEI é obrigatória, mesmo que não tenha havido nenhum faturamento no período.

Caso contrário, o MEI estará sujeito a alguns penalidades e restrições, como multas, dificuldades para obter certidões negativas de débitos, participar de licitações públicas, adquirir empréstimos, entre outras.

O envio antecipado da DASN, além de organizar as finanças, pode evitar a incidência dessas penalidades e garantir que a empresa do MEI continua se enquadrando na modalidade de Microempreendedor Individual, ou seja, não ultrapassou o teto de faturamento de receita bruta anual de R$ 81 mil.

Finalmente, como lembra Kályta Caetano, a antecipação também pode trazer benefícios para a declaração de IRPF: “Também possibilita ao empresário realizar um planejamento tributário mais eficiente, identificando oportunidades de redução de impostos, o que pode impactar positivamente na declaração do IRPF”.

Esportes

Flamengo é derrotado pelo Bolívar e perde a invencibilidade na Libertadores

25.04.2024 07:50 4 minutos de leitura
Visualizar

Um panfleteiro do Hamas na Câmara

Visualizar

Concurso PC PI 2025: Prepare-se para grandes oportunidades

Visualizar

Abono Salarial PIS/Pasep 2024: saques iniciam para nascidos em Março e Abril

Visualizar

Cinco Minutos: O que está em debate na regulamentação para motoristas de aplicativo

Visualizar

Polícia Federal retoma o agendamento de passaportes após tentativa de invasão

Visualizar

Tags relacionadas

imposto de renda Micro empreendedor individual
< Notícia Anterior

Estado de emergência no Haiti: Gangues comandam a capital

05.03.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Haddad tentará "explicar" reonerações a deputados, de novo

05.03.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Um panfleteiro do Hamas na Câmara

Um panfleteiro do Hamas na Câmara

25.04.2024 07:46 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Concurso PC PI 2025: Prepare-se para grandes oportunidades

Concurso PC PI 2025: Prepare-se para grandes oportunidades

25.04.2024 07:34 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Abono Salarial PIS/Pasep 2024: saques iniciam para nascidos em Março e Abril

Abono Salarial PIS/Pasep 2024: saques iniciam para nascidos em Março e Abril

25.04.2024 07:30 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Cinco Minutos: O que está em debate na regulamentação para motoristas de aplicativo

Cinco Minutos: O que está em debate na regulamentação para motoristas de aplicativo

25.04.2024 07:30 1 minuto de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.