Caso Marielle: a suspeita da PF sobre a motivação do crime Caso Marielle: a suspeita da PF sobre a motivação do crime
O Antagonista

Caso Marielle: a suspeita da PF sobre a motivação do crime

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 24.01.2024 07:15 comentários
Brasil

Caso Marielle: a suspeita da PF sobre a motivação do crime

A Polícia Federal investiga uma possível ligação de uma disputa por terras na Zona Oeste do Rio de Janeiro tenha motivado o assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL), em março de 2018...

avatar
Redação O Antagonista
2 minutos de leitura 24.01.2024 07:15 comentários 0
Caso Marielle: a suspeita da PF sobre a motivação do crime
Reprodução

A Polícia Federal investiga uma possível ligação de uma disputa por terras na Zona Oeste do Rio de Janeiro tenha motivado o assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL), em março de 2018.

A informação foi divulgada nesta quarta-feira, 24, pelo jornal O Globo.

Segundo o jornal, essa nova linha de investigação toma como base a delação premiada do ex-sargento da PM Ronnie Lessa, que é acusado de ser o autor dos tiros. A delação de Lessa ainda depende de homologação no Superior Tribunal de Justiça.

“A vítima virou alvo por defender a ocupação de terrenos por pessoas de baixa renda e que o processo fosse acompanhamento por órgãos como o Instituto de Terras e Cartografia do Estado do Rio e o Núcleo de Terra e Habitação, da Defensoria Pública do Rio”, informou o jornal.

“No entanto, o mandante do assassinato apontado por Lessa buscava a regularização de um condomínio inteiro na região de Jacarepaguá sem respeitar o critério de área de interesse social, ou seja, o dono tinha renda superior à prevista em lei. O objetivo seria obter o título de propriedade para especulação imobiliária”, acrescentou o jornal.

Nada confirmado

Apesar disso, a própria PF divulgou uma nota ontem afirmando que, neste momento, apenas uma delação premiada foi homologada: a do ex-policial militar Élcio de Queiroz, que dirigia o carro usado no crime. Os detalhes dessa delação foram a público em julho do ano passado e é a única confirmada pela PF até o momento.

A manifestação da PF ocorreu após o vazamento da informação de que o ex-policial militar Ronnie Lessa também teria aceito acordo de delação premiada com a Polícia Federal. A delação de Ronnie Lessa está no STJ pronta para ser homologada pelo ministro Raul Araújo. Alguns veículos informaram nesta terça-feira que o suposto mandante da execução de MArielle Franco seria o conselheiro do TCE-RJ Domingos Brazão.

Brasil

Bolsa Família e Auxílio Gás: pagamento é efetuado hoje, confira quem recebe

25.04.2024 05:00 3 minutos de leitura
Visualizar

Oposição reage sobre reparação por escravidão: "traição à pátria"

Alexandre Borges Visualizar

EUA enviam mísseis de longo alcance para Ucrânia

Alexandre Borges Visualizar

Estrangeiros em protestos antissemitas podem ser deportados

Alexandre Borges Visualizar

Musk em guerra judicial por super pacote de remuneração

Alexandre Borges Visualizar

Athletico-PR vence o Danubio pela Sul-Americana e segue 100%

Visualizar

Tags relacionadas

Marielle Franco Polícia Federal Rio de Janeiro
< Notícia Anterior

Você pode ajudar a encontrar José Bruno, um dos desaparecidos do Brasil

24.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Jornais destacam veto de Lula a emendas no Orçamento

24.01.2024 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

Bolsa Família e Auxílio Gás: pagamento é efetuado hoje, confira quem recebe

Bolsa Família e Auxílio Gás: pagamento é efetuado hoje, confira quem recebe

25.04.2024 05:00 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
PC-RJ indicia suspeitos por assassinato de advogado a queima roupa

PC-RJ indicia suspeitos por assassinato de advogado a queima roupa

24.04.2024 20:56 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
20 toneladas de queijo sao apreendidas em Minas Gerais

20 toneladas de queijo sao apreendidas em Minas Gerais

24.04.2024 20:51 2 minutos de leitura
Visualizar notícia
Ludmilla ganha relógio de luxo de Brunna no aniversário de 29 Anos

Ludmilla ganha relógio de luxo de Brunna no aniversário de 29 Anos

24.04.2024 20:47 3 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.