Advogados de Lula intermediaram propina a auditor do TCU, diz MPF Advogados de Lula intermediaram propina a auditor do TCU, diz MPF
O Antagonista

Advogados de Lula intermediaram propina a auditor do TCU, diz MPF

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 09.09.2020 10:55 comentários
Brasil

Advogados de Lula intermediaram propina a auditor do TCU, diz MPF

Segundo a denúncia da Operação E$quema S, os advogados Roberto Teixeira e Cristiano Zanin Martins recomendaram a Orlando Diniz contratar o advogado Vladimir Spíndola para atuar nos bastidores do TCU. Isso envolvia, segundo o MPF no Rio, o pagamento de propina ao auditor de controle externo do tribunal Cristiano Rondon Albuquerque...

avatar
Redação O Antagonista
3 minutos de leitura 09.09.2020 10:55 comentários 0
Advogados de Lula intermediaram propina a auditor do TCU, diz MPF
Roberto Teixeira

Segundo a denúncia da Operação E$quema S, os advogados Roberto Teixeira e Cristiano Zanin Martins recomendaram a Orlando Diniz contratar o advogado Vladimir Spíndola para atuar nos bastidores do TCU. Isso envolvia, segundo o MPF no Rio, o pagamento de propina ao auditor de controle externo do tribunal Cristiano Rondon Albuquerque.

De acordo com a denúncia, o escritório de Spíndola recebeu R$ 4,8 milhões da Fecomércio-RJ para atuar em favor de Orlando Diniz, e não da entidade. E o advogado repassou R$ 827 mil ao auditor do TCU.

O dinheiro foi distribuído ao auditor por meio do escritório do advogado Edgar Leite, que subcontratou o escritório Leonardo Henrique M Oliveira Advogados para repassar o dinheiro ao auditor, que trabalhou para a banca, como distribuição de lucros. Para o MPF, o repasse foi registrado dessa forma para dissimular a origem ilegal do dinheiro, o que caracteriza o crime de lavagem.

Segundo a denúncia, “esse contrato [da Fecomércio com Spíndola], cujo escopo era falso, na medida em que os serviços ali apostos não condiziam com o ‘trabalho de bastidores’ e corrupção de servidor público  promovidos por VLADIMIR SPÍNDOLA e outros denunciados”.

E continua:

“Com a necessidade de cooptação do auditor do TCU CRISTIANO RONDON ALBUQUERQUE para atender aos interesses do grupo, um terceiro contrato foi subscrito entre as partes, datado de 24.02.2014, no valor de R$ 3.800.000,00 em honorários a serem pagos entre 02.2014 a 01.2015, com um amplo e indefinido objeto, consistente na prestação de ‘serviços jurídicos especializados, diretamente ou mediante subcontratação de juristas e especialistas, para a constituição de grupos de trabalho para auxiliar na defesa dos interesses da CONTRATANTE perante o TCU’. Com data de 05/03/2014, houve um primeiro aditivo a esse apenas para alterar a forma de pagamento.

Esse contrato e seu aditivo tiveram como intuito direto o repasse de propina. Curioso é que esses arquivos foram encontrados em anexo de e-mail de Carlos Palmeira, sócio do SPÍNDOLA ADVOGADOS, objeto da referida quebra telemática compartilhada, sob o nome: “Contrato Fecomércio SPADV edgar versao final assinada”. Ocorre que o EDGAR LEITE ADVOGADOS não foi contratado pela Fecomércio neste instrumento, nem recebeu valores diretamente da entidade, mas serviu de canal para o suborno de CRISTIANO RONDON, como será visto adiante”.

Vladimir Spíndola é filho de Lytha Spíndola, ex-assessora de Antonio Palocci. Conforme revelou O Antagonista em 2018, Orlando Diniz repassou R$ 7,2 milhões ao escritório de Vladimir como propina a Lytha.

Lytha e seus filhos, Vladimir e Camilo, são investigados na Operação Zelotes por envolvimento no esquema de edição de medidas provisórias que beneficiaram o setor automobilístico.

Ela foi chefe de gabinete de Palocci e secretária-executiva da Câmara de Comércio Exterior do MDIC. Segundo o delator Antonio de Castro Almeida, executivo da Odebrecht, Lytha atuava em benefício do grupo na Camex. Os acertos de propina eram feitos com seu filho Vladimir.

 

Papo Antagonista

Lula quer monopólio da autonomia

20.06.2024 21:02 1 minuto de leitura
Visualizar

Crusoé: Seoul considera armar Ucrânia após acordo entre Rússia e Coreia do Norte

Visualizar

São João no Rio de Janeiro: descubra os melhores arraiais da cidade

Visualizar

‘Nacionalismo’ de Lula rendeu petrolão

Visualizar

Cássio fala sobre motivos para deixar o Corinthians

Visualizar

Rosto harmonizado, mandato cassado

Visualizar

Tags relacionadas

Cristiano Zanin Martins E$quema S Fecomércio Orlando Diniz roberto teixeira
< Notícia Anterior

"São uns meninos e estão todos milionários", diz Eliana Calmon, sobre filhos de ministros

09.09.2020 00:00 4 minutos de leitura
Próxima notícia >

Os elogios de Rodrigo Maia a Dias Toffoli

09.09.2020 00:00 4 minutos de leitura
avatar

Redação O Antagonista

Suas redes

Instagram

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade pelo conteúdo postado é do autor da mensagem.

Comentários (0)

Torne-se um assinante para comentar

Notícias relacionadas

São João no Rio de Janeiro: descubra os melhores arraiais da cidade

São João no Rio de Janeiro: descubra os melhores arraiais da cidade

20.06.2024 20:52 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
São João é feriado, ponto facultativo ou dia normal?

São João é feriado, ponto facultativo ou dia normal?

20.06.2024 20:27 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Paraquedista colombiano sofre acidente após balão rasgar em Boituva

Paraquedista colombiano sofre acidente após balão rasgar em Boituva

20.06.2024 20:23 3 minutos de leitura
Visualizar notícia
Crusoé: Eduardo Leite vê tombo na arrecadação de ICMS do estado

Crusoé: Eduardo Leite vê tombo na arrecadação de ICMS do estado

20.06.2024 20:04 2 minutos de leitura
Visualizar notícia

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.