video destaque
15.06.2024

Latitude#82: A investida do populismo mexicano contra as instituições

Para o diretor de análise política da Prospectiva, Thiago Vidal, negociações com membros do Partido Revolucionário Institucional, PRI, pode dar ao governo de Claudia Sheinbaum a maioria qualificada necessária para seguir adiante com reformas no Congresso

O atual presidente do México, Andrés Manuel López Obrador, tentou realizar um pacote de reformas que buscavam enfraquecer o tribunal eleitoral e exercer um controle político na Suprema Corte de Justiça da Nação.

O mandatário sofreu resistência e suas reformas foram contidas. Agora, com a vitória de sua sua indicada, Claudia Sheinbaum, nas urnas, é muito provável que ela retome a campanha para levar adiante as reformas pretendidas pelo seu mentor político.  

Após um encontro com Obrador, Claudia anunciou em uma coletiva de imprensa que tentará aprovar reformas para adotar a reeleição no país e para mudar o funcionamento do Judiciário, incluindo a eleição direta para juízes da Suprema Corte.

O Morena, partido de López Obrador e Sheinbaum, conquistou a maioria qualificada, de dois terços, na Câmara dos Deputados. No Senado, faltam cinco cadeiras para conseguir o mesmo feito, segundo as contagens oficiais.

Isso (a maioria qualificada no Senado) é algo alcançável. Vários membros do Partido Revolucionário Institucional, PRI, ao ver que o seu partido acabou, vão tentar compor com o governo. Isso significa que os priistas votariam com o governo nessas reformas chamadas de Plano C, que inclui o sistema Judiciário como um todo e os órgãos de controle“, diz o diretor de análise política da consultoria Prospectiva, Thiago Vidal.

Vidal alerta que o Judiciário não é a única instituição sob a mira dos populistas mexicanos.

Alguns órgãos de controle teriam sua autonomia extinta, como o INE (Instituto Nacional Eleitoral) e o órgão responsável pela transparência, o Inai (Instituto Nacional de Transparência e Acesso à Informação). O que o AMLO quer fazer, basicamente, é colocar esses órgãos para dentro do próprio governo“, diz Vidal.

O Latitude é um podcast semanal sobre os principais fatos da política internacional e da diplomacia brasileira que vai ao ar todos os sábados, às 18 horas.

O conteúdo integral do programa é exclusivo para assinantes de O Antagonista e da revista Crusoé, que poderão assisti-lo no YouTube.

LATITUDE, UM PODCAST PARA SITUAR VOCÊ NO MUNDO

Assista ao Latitude completo abaixo:

Mais lidas

Astro de Hollywood cancela turnê após "piada" sobre atentado a Trump

Alexandre Borges
Imagem Item
Visualizar notícia

"Tiros mostram qual é a alternativa à democracia constitucional"

Alexandre Borges
Imagem Item
Visualizar notícia

PT não acredita que Trump sofreu um atentado?

Imagem Item
Visualizar notícia

Nem Janja aguenta mais os improvisos de Lula

Imagem Item
Visualizar notícia

A receita para denunciar desafetos do STF

Felipe Moura Brasil
Imagem Item
Visualizar notícia

Playlists

Antagonista Docs

Antagonista Meeting

Entrevistas

Ilha de Cultura

Latitude

Meio-Dia em Brasília

Narrativas Antagonista com Madeleine Lackso

Papo Antagonista com Felipe Moura Brasil

Ver mais playlists

Seja nosso assinante

E tenha acesso exclusivo aos nossos conteúdos

Apoie o jornalismo independente. Assine O Antagonista e a Revista Crusoé.